Hoje é impossível negar os verdadeiros hospícios socialistas que se tornaram as universidades brasileiras

 

A universidade, desde sua origem, tem a única missão (e talvez a mais digna de todas) de investir esforços estruturais e formativos no intelecto individual e coletivo da comunidade; tais esforços se destinam à nobre missão de perscrutar a verdade dos fatos independentemente de onde ela estiver e sob quais adornos figurarem. Após essa primeira exploração e conceituação, sua segunda missão passa a ser a apresentação da verdade à sociedade em forma de princípios compreensíveis e pragmáticos.

Seja a Verdade perene e “imorrível”, ou subjetiva e vaporizada, a missão primeva do culto ao conhecimento é buscá-la e contemplá-la em suas particularidades e mistérios. Rompendo, assim, o véu obscurantista das crendices e sobrepujando as sombras aterradoras de nossas cavernas da ignorância.

Sócrates, Aristóteles, Platão, Santo Agostinho, Santo Anselmo e São Tomás de Aquino podem ter discordado pontualmente sobre o que era a Verdade (ou as verdades), entretanto, para esses grandes homens que cimentaram o conhecimento ocidental, se o intelecto em perseguição do reto conhecimento possui algum motivo essencial de existir, esse é tão somente a busca pela realidade dos fatos, pela verdade substancial. Não obstante essas obviedades que repeti quase até a exaustão, parece-nos que tais intuições se perderam em alguma fresta da modernidade.

Assim que as universidades tornaram-se abertas aos anseios de homens que não mais queriam o conhecimento para permear o solo da liberdade social, mas tão somente para erigir seu poderio político e o de seu partido; tais intentos desviados se coadunaram justamente com a era das ideologias políticas pós-revolução francesa.

Se os revolucionários derrubaram as antigas estruturas da aristocracia encastelada; é certo dizer que os mesmos revolucionários ergueram novas muralhas, ainda mais altas e imponentes, quase impossíveis de serem transpostas. Denominamos tais muros de ideologias.

Percebeu-se, então, que a máxima expressa por Raymond Aron em “O ópio dos intelectuais”, era profundamente verdadeira: “Toda libertação, entretanto, traz em si o perigo de uma nova forma de sujeição” (ARON, 2016, p. 32). A universidade sujeitou-se e, se sujeitando, sujou-se no lamaçal do fanatismo.

Onde começa a treta

Se antes as universidades serviram ao status quo político e eclesial, não é nenhuma mentira dizer que hoje elas servem ao status quo político-estatal. Ora, as universidades são as bases teóricas da sociedade, o terreno da fertilidade intelectual, onde jazem os mananciais de uma comunidade ordeira e evoluída. Pois bem, assim como os mananciais de água são de bem comum em um vilarejo, e invariavelmente a todos tocam, seria extremamente maléfico caso tais mananciais se encontrassem polutos numa comunidade delas dependentes.

Caso se queira destruir ou contaminar uma comunidade inteira de maneira massiva com qualquer mal, infectar as fontes é um caminho rápido e eficiente; afinal, cedo ou tarde todos terão que recorrer a elas. A universidade é uma das fontes de que a sociedade necessita e onde invariavelmente sacia sua sede de conhecimento; é ela o principal manancial que as ideologias revolucionárias tomaram para poluir a fim de espalharem seus ideais políticos por meio da alienação.

Foi isso que o marxismo adotou como princípio estratégico no final do século XIX e início do XX, principalmente com o marxista Max Horkheimer e os demais da escola de Frankfurt. Horkheimer bem entendeu que a sociedade ocidental se estruturava basicamente sobre três pilares (fontes): a Igreja, Família e Escola (ou universidade).

Intuíram os marxistas que: para que houvesse uma revolução profunda, eficaz e duradoura, antes era necessário “contaminar” essas fontes da sociedade – fontes essas que mantinham-na num conservadorismo cultural de molde judaico-cristão. Tal realidade foi vista em toda a Europa, no século passado, com o surgimento de pensadores radicais que não escondiam suas oposições ferrenhas a esses três princípios régios.

Contra a família tradicional, investiu forças o movimento feminista radical, principalmente com Simone de Beauvoir, Kate Millet, Shulamith Firestone e Judith Butler. Contra a Igreja, os movimentos eclesiais de base sob o jugo da Teologia da Libertação, movimento esse que obteve enorme sucesso na América Latina; seus principais expoentes são: Gustavo Gutiérrez, Leonardo Boff, Frei Beto, Jon Sobrino e Juan Luis Segundo.

Por fim, contra a universidade, investiu a conhecida Escola de Frankfurt e seus descendentes diretos e indiretos (a Escola de Frankfurt foi herdeira direta do conhecido socialismo científico, linha de reflexão intelectual criada por Karl Marx), esse foi o movimento intelectual que melhor conseguiu alcançar seus objetivos revolucionários.

Através da enculturação das teses marxistas na academia (ao ponto de permear quase todas as matérias de humanidades com interpretações ramificadas do marxismo), essa escola conseguiu iniciar com extremo sucesso a hegemonia intelectual esquerdista que ainda hoje domina as academias de ensino ao redor do globo.

Seus expoentes são muitos, tendo ligações diretas ou indiretas com a dita escola, citarei alguns com o intuito de ilustração: Max Horkheimer, Jürgen Habermas, Theodor Adorno, György Lukács, Antonio Gramsci, Michel Foucalt e Jean-Paul Sartre. Para um estudo mais profundo da temática, recomenda-se a leitura de “Marxismo e Descendência”, do intelectual brasileiro Antonio Paim; e “Pensadores da nova esquerda”, do filósofo inglês Roger Scruton.

Tal realidade foi descrita por Jean Sévillia, jornalista e ensaísta francês, como sendo um “terrorismo intelectual”, termo que também dá nome ao seu livro onde ele mostra que desde “o século XIX, os estudos acadêmicos do período revolucionário sempre foram de exclusividade da esquerda” (SÉVILLA, 2009, p. 143).

A universidade passa, então, assim como a família e a Igreja (religiões de origem judaico-cristãs), a serem invadidas e contaminadas com o pensamento marxista de maneira deliberada e estrategicamente pensada.

Em um primeiro momento tal oposição era feita de maneira mais argumentativa e agressivamente militante; no entanto, com o advento do pensador italiano Antonio Gramsci, teorizador da ideia do socialismo cultural, ou como denominou “bloco hegemônico”, tal agressividade é substituída pela tomada crescente de espaço cultural e pedagógico na sociedade organizada.

O cozimento político e social é vagaroso, porém eficiente. Se lentamente se tomar posições estratégicas da sociedade, a revolução não precisará de um levante violento de origem proletária, será necessário tão somente um autorreconhecimento do poderio político-cultural da massa socialista que governa as instituições, já que a hegemonia estatal e cultural serão suas.

Tal teoria gramscista foi colocada em prática através das universidades e mídias jornalísticas, afinal, são essas as duas asas da opinião pública. O sucesso é indiscutível.

“No Brasil, contudo, sempre foi a esquerda um movimento de elites intelectuais que controlam a mídia, as cátedras universitárias e os periódicos de grande circulação” (PENNA, 2017, p. 30).

Dominação no Brasil

As universidades, no mundo como um todo, principalmente após as décadas de 50 e 60, passam a verborragiar freneticamente um marxismo cada vez mais pulsante e sufocante. Suas teorias deixam de ser oposição e passam a ser situação, deixam de ser alternativas e passam a ser status quo. Sobre isso, afirma Roger Scruton:

O entusiasmo esquerdista que arrebatou as instituições de ensino nos anos 1960 foi uma das mais eficazes revoluções intelectuais na história recente, e recebeu um tal apoio daqueles afetados por ele que pode ser comparável a poucas revoluções no mundo da política (SCRUTON, 2014, p. 135)

O terreno acadêmico que primeiro foi explorado pela intelligentsia marxistas foi o campo da História, a teoria histórica-econômica da luta de classes foi de fácil transmissão e aceitação social, apesar de suas falsidades.

Karl Popper chamou a teoria histórica-econômica marxista de “pseudociência”; arguia o filósofo austríaco, em seu livro “A Sociedade Aberta e os Seus Inimigos”, que o historicismo marxista tende a escolher um posto isolado de observação da história e, a partir daquela diminuta visão da realidade, proclamar dogmas históricos inalienáveis.

Um exemplo é a famigerada “luta de classes”, para os marxistas tudo passa necessariamente pelo prisma filosófico da luta de classes. Em suma, a teoria histórica marxista, para Karl Popper, é diminuta, seletiva e defeituosa; uma teoria histórica amputada e narcisista.

Entretanto, foi o discurso que mais docemente foi aceito no Brasil e repetido até a exaustão nas matérias de humanidades até a atualidade. Do direito à filosofia, da sociologia à economia, da pedagogia à teologia, todos pensam a partir desse princípio histórico débil e caduco.

Em um mundo de constantes guerras e inimigos, como foi a década de 50 e 60, justificar as nossas mazelas sociais e psicológicas a partir de um inimigo econômico internacional, de uma luta de classes entre um Leviatã estrangeiro rico e o trabalhador pobre nacional, era um discurso muito tentador e de fácil explicação e aceitação. Getúlio Vargas, após a segunda guerra mundial, utilizou-se muito dessa linguagem ideológica.

Não obstante as duvidosas e, por vezes, infantis teorias interpretativas que o marxismo oferecia aos intelectos nacionais, as ideias seguiram seu curso e adentraram com toda a força no sistema educacional do Brasil. Talvez o expoente mais conhecido dessa era intelectual marxista do Brasil foi o teórico Paulo Freire, com sua teoria pedagógica inteira montada sobre o dogma marxista do embate de classe.

Aos poucos, intelectuais e docentes de todos os níveis educacionais passaram a repetir as máximas marxistas iniciadas pela teoria histórica. Tal teoria oferecia uma espécie de óculos universal (um dogma) pelo qual era possível interpretar toda a realidade sempre pelo mesmo catálogo de explicações sociais. Tudo era culpa das batalhas eternas entre burguesia e proletariado, rico e pobre, patrão e empregado.

A intelligentsia nacional

Após tal contaminação ocorrer de maneira abrangente, há de se erigir os “clérigos” dessa nova religião civil. Tais clérigos são basicamente feitos de dois tipos de homens: os intelectuais (intelligentsia) e os políticos revolucionários; os primeiros ditam as regras e os discursos que devem ser repetidos de maneira compulsória, e os demais arrebanham os militantes a fim de conseguir representatividade social e política.

Diz José Osvaldo de Meira Penna:

“Na concepção de Gramsci, o que vale é a existência de uma espécie de clero dominante, algo como a Ordem dos Jesuítas, organizados, obedientes, dogmáticos, revoltados com as injustiças e maldades do mundo, e firmemente dispostos a corrigi-las a qualquer preço” (PENNA, 2017, p. 31).

Durante a ditadura militar, pode-se ver que, apesar da repressão policial, o pensamento marxista vigorava com força crescente e constante. Tal fato ocorria porque os militares não se propuseram a criar um sistema de ensino para contrapor as ideias marxistas, não prepararam intelectuais capazes de argumentar de maneira coesa contra as suas investidas intelectuais do socialismo – principalmente no terreno pedagógico.

Seus esforços estavam determinados a parar, esconder e reprimir a qualquer custo o pensamento socialista. Atitude que nada mais fez do instigar a curiosidade do: “proibido é mais gostoso” dos jovens universitários da década de 60, 70 e 80; jovens esses que já estavam embebecidos do ideal hippie do “amor livre”, defensores da ideia do “é proibido proibir”.

Pela formação positivista dos militares, achou-se que reprimindo a militância revolucionária a base do medo, cassetete e torturas, acabaria com a invasão socialista no sistema educacional brasileiro. Porém, os militares quase nenhuma atenção dispensaram aos intelectuais que trabalhavam calados, ou em segundo plano, seguindo as diretrizes de Antonio Gramsci.

Tal atitude tola do regime militar fez surgir no Brasil um paradoxo que ia contra as tendências geopolíticas do fim da década de 80; enquanto o mundo repugnava e abandonava as ideias esquerdistas, após a queda do muro de Berlim e o desvelamento dos crimes dos governos comunistas ao redor do globo, o Brasil as abraçavam e fortemente tendiam a erigir uma república baseada em seus pilares gelatinosos.

Onde foi parar

O resultado dessa pequena epopeia foi que, ao findar a ditadura militar, e o mundo acadêmico voltar à suposta normalidade democrática de livre pensamento, viu-se que quase todos os professores disponíveis tinham sido formados a partir dos moldes socialistas. Suas mentes, teorias, e óculos pelos quais enxergavam a realidade, estavam todos pré-definidos pela mentalidade marxista. E assim as universidades estavam novamente sujeitas e amarradas, não mais aos crivos das mãos pesadas dos censores militares, é verdade; mas estava agora de joelhos prestando culto diante do altar pensamento marxista, incapaz de conceber maneiras diversas de pensar, fanatizada por sua ideologia-deus.

Hoje é impossível negar os verdadeiros hospícios socialistas que se tornaram as universidades brasileiras. Situações escabrosas e deploráveis como o de professores, que são abertamente conservadores ou liberais, como o caso do professor de filosofia da UFPE Rodrigo Jungmann, ou Ricardo Felício da USP, sendo intimidados, ameaçados, boicotados. Em alguns casos, até tendo seus bens depredados. Isso tão somente porque suas ideias não estão inseridas nos catálogos de permissão ideológica do esquerdismo.

Alunos que não coadunam com o pensamento socialista são rechaçados e agredidos. Como no caso da exibição documentário do filósofo conservador, Olavo de Carvalho, na UFPE, onde ao terminar o cine-debate os espectadores foram cercados, ameaçados e agredidos. Outras situações mais aterradoras se acumulam nesse mar aberrante das universidades brasileiras; cenas de mostras culturais que mais parecem cenas de filmes de terror, manifestos histéricos e cognitivamente desconexos da realidade que fazem jus à teoria de Lyle H. Rossiterde que o socialismo se tornou doença mental.

O pensamento esquerdista, na universidade brasileira, tornou-se hegemônico e manteve-se dogmático (dois princípios extremamente perigosos quando unidos); contrariá-lo ou questioná-lo é crime “lesa-pátria” que pode render hematomas e queimas de reputação pessoal e acadêmica.

Não há espaço para contrapontos e debates saudáveis na academia brasileira; quem já foi universitário na área de humanidades e tentou se opor à doutrinação sabe que tal realidade é cortante e inegável.

Chegou-se ao ponto de ser preciso uma decisão judicial para garantir a liberdade de consciência dos universitários de não participar de oficinas de ideologia de gênero e movimento LGBT na universidade de Lavras, sem que com isso os estudantes sejam expulsos. Uma sociedade equilibrada não precisaria de assinaturas de juízes para que a garantia primordial de liberdade de consciência fosse respeitada.

Outro caso, e a mais recente aberração acadêmica, que não sem motivo está sendo tratado pelos sensatos como sendo uma afronta às instituições nacionais, é o “curso contra o golpe”. Várias universidades já aderiram ao “curso contra o golpe”, se referindo ao processo de impedimento da ex-presidente Dilma Rousseff.

LEIA MAIS: Onda de cursos sobre “golpe” expõe domínio “acachapante” da esquerda nas universidades

Ainda que o processo tenha seguido todos os trâmites legais da constituição, tenha tido aporte da Suprema Corte e da vontade maciça da população, não se cansa de apregoar um “golpe” fictício a fim de justificar suas militâncias. Em suma, as universidades brasileiras contarão uma mentira, endossarão um discurso irreal. Atiçarão no campo do direito, ao nível universitário, a maior das desonras que o mundo das ciências jurídicas pode imaginar para si, isto é: o ativismo jurídico em prol de uma ideologia política; a prostituição da reta doutrina judicial (que deveria ser imparcial) em favor de um partido. Não se trata de interpretação diversa, se trata de apologia deliberada a um ideal político; um parcialismo aberrante e vergonhoso em favor de um partido ou causa ideológica.

O Ministério da Verdade

Esse curso acima citado, me faz lembrar vividamente de 1984, aclamada obra do socialista consciente: George Orwell. O personagem principal, Winston, era funcionário do Estado totalitário da trama, trabalhava ele para o Ministério da Verdade, organização estatal encarregada de apagar e modificar os fatos históricos para que realidade se amoldasse à ideologia do Estado e mantivesse intacta a imagem messiânica do supremo líder.

Com esse trabalho, Winston ajudava o Grande Irmão a se manter onipotente no poder e revigorar na consciência coletiva da população a doutrina da ideologia salvífica e inerrante do Estado. No caso do Brasil, a situação é assustadoramente análoga, a intenção é criar uma “verdade” histórica inexistente: o “golpe contra Dilma”. Todos os elementos são assustadoramente parelhos. As universidades brasileiras estão atuando como o Ministério da Verdade, encaixotando os fatos históricos entre as paredes claustrofóbicas da ideologia socialista para dar-lhe o formato que seja favorável às causas que defendem.

Aliás, constantemente vemos isso no comunismo, Dmitri Volkognov, em sua obra StalinAlexander Soljenítsin, com a obra Gulag; e Svetlana Aleksiévitch, em Vozes de Tchernóbil, concordam em afirmar que o governo soviético era mestre em ocultar, modificar e ditar qual deveria ser a história oficial.

Não raramente víamos Soljenítsin gastar páginas e mais páginas para nos contar com detalhes aterradores sobre os teatros e alegorias judiciárias criadas pela URSS a fim de esconder suas incompetências e erigir bodes expiatórios. Nunca era culpa do partido, nunca é culpa do PT, da Dilma ou do Lula; sempre havia uma conspiração a ser suprimida pelo partido na URSS, sempre há um golpe a ser combatido no Brasil.

A propaganda, baseada na construção falsária da história, serviu de impulso e manutenção dos dois principais regimes totalitários do século XX: o comunismo e o nacional-socialismo. Mas, sem sobra de dúvida, o comunismo se valeu dessa arma com muito mais destreza e eficiência; basta ver que se utiliza dela até hoje.

A luta de classes como motor da história, o maior embuste teórico já criado, continua a ser o filtro pelo qual quase todas as universidades e mídias julgam a realidade. Ainda que mais de 100 anos de estatismo republicano, de protecionismo mercantil, tenha legado ao Brasil uma herança pobre em desenvolvimento científico, econômico, social e intelectual, a propaganda sindical e estatista continua a vigorar com enorme sucesso nas penas e bocas dos formadores de opinião. Ainda que a esquizofrenia ideológica deixada pelo esquerdismo tenha historicamente deixado um mar de sangue, ainda sim se pensa que o socialismo é a defesa da paz.

Enfim, o socialismo se graduou na arte de propagandear sua teoria apesar da verdade dos fatos; e quando necessário foi, ousou encaixar a realidade nas suas formas ao invés de acatar o imperativo do real.

A liberdade pede licença

A liberdade é um princípio que se autoimpõe; os indivíduos sentem que a liberdade é uma realidade que os acompanham e de alguma maneira clama sem cessar por suas consciências. Assim como a esquerda triunfou, apesar da censura e do regiscismo militar, o contraponto conservador e liberal se erguerá independentemente dos esforços de censura das universidades. Chega a ser paradoxal e terrível ter que concluir que a universidade, hoje, é o grande censor da democracia nacional; o lugar onde a liberdade deveria figurar como regra, ela tornou-se maldição.

Uma universidade que se diz aberta por dar cotas e apregoar a diversidade de gênero, ao mesmo tempo que emudece o conservador e rechaça o liberal, é tudo, menos livre.

É refém de uma mentalidade enganosa, pútrida e verdadeiramente escravizante. O local onde sustentar ideias diferentes seja motivo de expulsão ou humilhação, não pode arrogar ser um centro democrático de ensino; é antes um campo de concentração onde os judeus são nossas consciências.

Uma sociedade só é livre onde o ensino é livre. Dentro das paredes de uma universidade, a confluência de ideias diferentes não deveria ser algo forçoso, mas sim necessário. A diversidade de ideias forma o arcabouço científico e filosófico de uma sociedade madura capaz de conviver com o diferente.

Não é impondo o alternativo que a tolerância se tornará uma virtude, mas sim fazendo com que o alternativo e o ortodoxo convivam em harmonia e tenham liberdade para discordarem, debaterem e se converterem (caso seja de livre escolha) a alguma corrente de ideia que julgar mais coerente; é dessa maneira que poderemos alcançar uma democracia possível, onde as universidades sejam distribuidoras de conhecimentos e não catequistas de ideologias.

Conclusão

As universidades brasileiras se encontram acanhadas em suas utopias, olham para as paredes de seu bunker ideológico, pintadas de mundos ideais, e figuram em suas mentes imagens de êxtases revolucionários e inimigos imaginários sem se dar conta daquilo que ocorre do lado de fora de seu mundinho fictício.

Mal percebem que boa parte dos brasileiros abandonaram as ideias socialistas e começaram a requisitar espaço nas universidades PÚBLICAS do país a fim de ensinar e propagar novas ideias. “Ideias, somente ideias, podem iluminar a escuridão” (MISES, 2017, p. 213), dizia Mises. Nunca foi tão atual e profético.

Os clérigos socialistas (aqui no Brasil esse termo se torna paradoxalmente metáfora e realidade), ao olharem pela porta de seu bunker, percebem o avançar ininterrupto de jovens que não mais se amedrontam com intimidações acadêmicas ou com opressões midiáticas; tais jovens começaram a estudar apesar da lacuna propositalmente deixada na ementa do conhecimento político do país.

Levantam-se nas salas de aulas do país e questionam seus docentes sobre a teoria de Eric Voegelin que demonstrou que o socialismo é baseado no mito amorfo de Joaquim de Fiore; questionam sobre Ludwig von Mises e Friedrich Hayek que demonstraram que o socialismo econômico é inviável; questionam sobre as revelações históricas aterradoras feita por Alexander Soljenítsin, Robert Sérvice, Tmothy Snyder e Stéphane Courtois sobre os morticínios demoníacos deixado como legado do comunismo.

No Brasil, as universidades se tornaram praticamente o último bunker da esquerda. Os sindicatos se encontram desunidos e agonizantes após o corte em seus orçamentos feitos pela nova lei trabalhista que desobriga o trabalhador a pagá-los; no terreno dos três poderes, a partir das eleições de 2018, a tendência está claramente à direita. É de opinião quase que unânime que após as eleições teremos uma guinada significativa para as pautas tidas como “conservadoras” e de “livre mercado.

Roger Kimball em seu livro Radicais na universidade, nos diz: “A verdadeira tirania é privar os alunos do melhor que foi pensado e dito em nome de uma ou outra versão de retidão política” (KIMBALL, 2009. p. 267). Ou a universidade se abre ao diferente, ou ela irá ruir unida à sua arrogância fanática!

As universidades brasileiras mostram-se a última trincheira a ser transposta para fora desse terreno inóspito da doutrinação política e pedagógica. De duas uma: ou a universidade se reinventa e deixa de tratar com hostilidade o pensamento liberal e conservador, abrindo espaço para outras teorias e modos de ver a realidade; ou ela se fechará ainda mais em sua bolha ideológica, assistindo vagarosamente o avanço irrefreável dos conservadores e liberais brasileiros.

Diante da missão primeva da universidade: a busca pela Verdade; nenhuma gaiola ideológica pode impedi-la por muito tempo de procurar pelo objeto de sua vocação. Se a Verdade pudesse dizer-nos algo diante da censura ideológica moderna, repetiria exatamente o que Irmã Branca dizia no Diálogo das Carmelitas: “Morro toda noite para ressuscitar a cada manhã” (BERNANOS, 2013, p. 22). A liberdade de pensamento avançará com ou sem esses intelectuais encastelados nas universidades.

Referências:

ARON, Raymond. O ópio dos intelectuais, Três estrelas: São Paulo, 2016.

BERNANOS, Georges. Diálogo das Carmelitas, São Paulo: É realizações, 2013

KIMBALL, Roger. Radicais na universidade: como a política corrompeu o ensino superior nos Estados Unidos da América, São Paulo: Peixoto Neto, 2009.

MISES, Ludwig von. As seis lições: reflexões sobre política econômica para hoje e amanhã, 8ª Ed, São Paulo: LVM, 2017.

PENNA, J. O. de Meira. A ideologia do século XX: Ensaios sobre o nacional-socialismo, o marxismo, o terceiro-mundismo e a ideologia brasileira, 2ª Ed, São Paulo: Vide Editorial, 2017.

SÉVILLIA, Jean. O terrorismo intelectual: de 1945 aos nossos dias, São Paulo: Peixoto Neto, 2009.

SCRUTON, Roger. Pensadores da nova esquerda, São Paulo: É realizações, 2014

Gazeta do Povo

0
  • EngenheiroMG 15/04/2018 at 08:35

    First no trabalho

    0
  • pedro-rj 15/04/2018 at 08:35

    Bom domingo a todos!

    0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 08:35

    First.

    0
  • Barnabezinho 15/04/2018 at 08:37

    Bom dia! Chove copiosamente no Hellen nesta manhã! 😀

    0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 08:37

    Privatiza tudo. Deixa tudo para a iniciativa privada. Deixe algumas vagas reservadas para o PROUNI.

    0
  • EngenheiroMG 15/04/2018 at 08:40

    Em linha com o tópico, estou amadurecendo a ideia de voltar para a faculdade. Motivações: moro a dois quarteirões de uma universidade federal e consigo entrar facilmente em qualquer curso devido aproveitamento de diploma. Estando infiltrado, tenho dois objetivos principais:
    1 – Entender e fazer uma força contrária ao empregado na universidade;
    2 – Pegar as novinhas de suvaco cabeludo (George Best feelings). Não que não pegue agora, mas estando na fonte fica ainda mais fácil… hahaha

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 08:53

      1- você vai desistir, pois sozinho será ignorado pela maioria
      2- Quer subir as doze casas logo de uma vez, São Jorge de Pégaso???? AHAHAHA!

      Sério, a Universidade é um lixo hoje. Ontem estava conversando com minha prima, ela faz zootecnia na UFRRJ. Graças a Deus ela está assitindo o Canal Rural com uma atenção desmedida, e já está caçando os estágios em bovinos, porque entendeu que é dali que sai a fonte.

      Ela me fala dos colegas de turmas dela. Metade apenas maconheiros e alcóolatras. Uma menina fuma tanto que não consegue assistir uma aula por dia, outra pegou todas as disciplinas extracurriculares para “não ter de mexer com vaca” – e ficar fumando, bebendo e dando para os dorme-sujos. A galera do CA somente fuma e bebe. Diz ela que nem metade do pessoal estuda efetivamente (ela mora em um cativeiro a la Rosinha) e que a Uiversidade é um lixo de infraestrutura.

      As demais rolam por esta média aí… sei não… vê bem o que tu vai fazer!!

      0
      • AL 15/04/2018 at 08:57

        Dante já e foi e nos contou como é, me dou por satisfeito.

        0
        • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:16

          Ahahahaha!
          É igual, mas na Rural eles tomam 51 e fumam bosta de vaca com maconha.

          0
      • Amy Rose 15/04/2018 at 09:02

        Rural é tenso. Aliás, acho pior quando aluno tem que ficar em alojamentos ou repúblicas. A pressão/lavagem cerebral é 24 horas.

        0
      • EngenheiroMG 15/04/2018 at 09:15

        hahaha a realidade é por aí mesmo. Tenho saído com umas novinhas e são raras a que tem a cabeça mais ou menos no lugar.

        Falo mais na zueira… não tenho saco para facul mais… vontade tenho mas quando paro para pensar, imaginar travar o pouco tempo que tenho para assistir aulas toscas já desanimo.

        Direto estou nas festinhas da facul (tenho um irmão na facul que faço questão de sair com ele para ver como anda a situação e para inibir ele de fazer muita merda) e essa geração vai pastar muito. Muitas drogas e zero compromisso com qualquer coisa. Camisetas de Che, maconha, loló, bala… brotam de todos os cantos. Dá tristeza de ver… mas como já estou lá, pego as novinhas sem remorso.

        0
        • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:16

          FORÇA, MÁRTIR. Você aguenta! kkkk!

          0
          • EngenheiroMG 15/04/2018 at 09:53

            Confesso que dou uma desanimada quando a moça tem mais pelo que eu. Mas sigo firme na luta.

            0
        • Oriundo 15/04/2018 at 09:25

          E de onde vem a grana pea tudo isso?
          Dos pais bananas que acreditam que a universidade dará aos seus um lugar ao sol.

          Eu tive um insight, lá em 2002, com meus 17 anos, que a escolha por uma universidade federal seria furada.
          Eu já estava nela, UFV, fazendo o último ano do ensino médio e técnico de informática. Professores davam como certo a obtenção de vaga, visto meu potencial (eles que formulavam as provas, creio).
          Mas não, preferi trocar um canudo de uma federal pela experiência que ganharia caindo numa capitar da Banania.
          Hoje vejo, com orgulho, que tomei uma decisão sábia.
          Agora vejam, se naquela época já era inviável, hoje é certeza de fracasso.
          E é certo que pagaremos, como sociedade, um alto preço.

          0
          • Manco 15/04/2018 at 09:28

            Maconha prensada com químicos e bosta de vaca é barata, agora se legalizar e regulamentar imagina o preço? Aí o sujeito não tem como comprar a legalizada e continua com o prensadão, logo o produtor terá 2 mercados e ficará o dobro de rico.

            0
        • Manco 15/04/2018 at 09:32

          Agora eu estou mais no interior de SP ainda, em uma cidade com muitas universidades, ainda não tive muito contato com as novinhas mas já percebi que o nível de esquerdismo (e doença mental) é acima da média. Um exemplo foi o último protesto, parecia missa de domingo, só tinham velhos.

          0
  • Rouxinol 15/04/2018 at 08:52

    Bom dia

    0
  • AL 15/04/2018 at 08:52

    Solução polonesa, criminalização do comunismo e seus derivados.

    0
    • Manco 15/04/2018 at 09:28

      E exaltação do cristianismo.

      0
    • Manco 15/04/2018 at 09:41

      Gostaria de complementar um excelente exemplo polonês de resistência.

      0
    • Nonada 15/04/2018 at 11:51

      Isso é pra ontem!

      0
  • Quero mais é que se f... 15/04/2018 at 08:57

    Olha a quantidade de débeis mentais transformados pelas universidades.

    E tudo endividado, sem qualquer habilidade e conhecimentos que lhes permitam arranjar um emprego que os sustente.

    Marxismo CUltural é mesmo ‘Da Hora’.

    0
  • JonassBR 15/04/2018 at 09:11

    Bom dia.
    Excelente texto.
    Nessa linha, ouvi esses dias que um respeitado colega médico já mais velho foi ameaçado de processo por um aluno débil mental numa Universidade pública por um comentário ‘racista’ numa aula que não foi absolutamente nada, acreditem, não vou falar por privacidade.
    Ato contínuo, a sala inteira perderá um excelente professor que já se cansou dessa geração de bunda-moles e vai ganhar de reposicao algum professor da geração cotista.
    Não sei onde isso vai parar.

    0
  • Indião 15/04/2018 at 09:26

    Bom dia 300

    Considerando que os ‘profissionais’ egressos destas universidades constituem o ‘grosso’ dá classe média,
    Podemos concluir que em uma geração ela acaba mesmo

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:28

      Minha única esperança é que apenas 1/3 dessa moçada aí vai se formar e ter neurênios inteiros o suficiente para qualquer coisa.

      0
      • Manco 15/04/2018 at 09:30

        Aí metade desses 1/3 vazam da bananânia, vai ser difícil…

        0
  • Manco 15/04/2018 at 09:37

    EngenheiroMG, estou pensando em aproveitar o tempo e tentar um mestrado, mas não vou me esforçar muito não, só vou fazer a prova, em Sorocaba sem me preparar eu quase entrei na São Carlos.

    0
    • EngenheiroMG 15/04/2018 at 09:51

      Então, Manco…acho um bom aprendizado se achar um bom orientador. Fiz mestrado em uma área pouco procurada e tive a sorte de ter um orientador alinhado com nossos pensamentos. E olha que ele é de carreira de federal de renome e forte no esquerdismo. Mas é um cara de opinião e nos tornamos muito amigos. Inclusive ele conseguiu uma bolsa se eu quisesse fazer o doutorado fora. Mas declinei pois não quero seguir área acadêmica e por já estar relativamente bem alocado na iniciativa privada.

      0
      • Manco 15/04/2018 at 09:57

        Pessoal diz isso sobre carreira acadêmica para doutorado porém no mundo corporativo do exterior esses títulos são bem valorizados na alta liderança, na Alemanha tem bastante diretores ou gerentes mestres e doutores, EUA também percebo isso com menor intensidade.

        0
        • EngenheiroMG 15/04/2018 at 10:09

          Sim, lá fora é mais valorizado e existem campos sérios para pesquisa. Se seu plano é o BBB (bye bye banania) e não tem outra alternativa, talvez seja um caminho.

          Eu tenho outras formas para sair caso perca o emprego. Por isso não dei tanta atenção.

          0
  • Neco 15/04/2018 at 09:43

    Bom dia.

    Que loucura isso. Pior que é verdade.

    Eu penso em fazer uma faculdade, mas semi presencial. Daquelas que vc assiste as aulas pela internet e vai uma vez por semana ao centro de apoio e assiste uma aula.

    Alguém aqui já teve contato com esse tipo de ensino?
    Eu tenho olhado a universidade Metodista de São Paulo.
    Tem varios cursos.

    0
    • Amy Rose 15/04/2018 at 09:51

      Aqui no RJ temos:

      http://cederj.edu.br/cederj/

      É um pool de universidades públicas oferendo graduações a distância. Cada universidade é responsável por um número de cursos, e no final seu diploma sai por esta universidade. É um trabalho sério, meu irmão está fazendo e gostando. Veja se não há iniciativa semelhante no seu estado. São bons cursos e você não paga mensalidade.

      0
      • Neco 15/04/2018 at 09:53

        Que legal, obrigado, vou ver.

        0
      • Intendente 15/04/2018 at 14:08

        Me formei em adm pelo cederj, o diploma saiu pela UFRRJ. Fiz em 4 anos, sempre puxando matérias.

        Em nenhum momento especificam no diploma que eu realizei a graduação à distância.

        Na UFRRJ mesmo tem um mestrado em adm estratégica, estava eu pesquisando ontem e vi que das 15 vagas ofertadas, somente 4 se classificaram, sendo que 10 se inscreveram.

        É isso mesmo. 15 vagas, 10 se inscreveram e somente 4 se classificaram.

        Tá fácil demais aqui no hell.

        0
    • EngenheiroMG 15/04/2018 at 09:52

      Hoje isso está mais sério que aula presencial.

      0
      • Barnabezinho 15/04/2018 at 10:02

        Geral estudioso, papirando…kkk!

        0
        • EngenheiroMG 15/04/2018 at 10:07

          hahahah

          Disse que está mais sério mas ainda é sofrível. Já fiz algum material para EAD e é muito básico. Mas pelo menos força o aluno a estudar algo se quiser formar.

          0
      • Amy Rose 15/04/2018 at 10:04

        Vai muito do aluno. Meu irmão me conta cada barbaridade dos colegas de turma. Tem gente que entra lá no EAD do CEDERJ achando que é brincadeira, só que lá eles reprovam. Já nas particulares acredito que o nível de exigência seja pequeno, como já ocorre nas presenciais.

        0
        • EngenheiroMG 15/04/2018 at 10:06

          Exato…por isso digo que está mais sério.

          Hj só de ir na aula vc é aprovado na maioria das faculdades. No EAD vc precisa fazer uma avaliação (por mais porca que seja, pelo menos ainda precisa saber do que se trata).

          0
          • Ardêncio 15/04/2018 at 12:34

            Fiz uma pós via EAD (e, em cada semestre, havia uma semana de provas e laboratórios presenciais) na Pece-Poli/Usp.
            Deu um trabalho…

            Se tiver curiosidade:
            http://www.pecepoli.com.br/PT/

            0
  • Fênix 15/04/2018 at 09:48

    Bom dia 300!
    PNC do DataFodasse e PNC da FakePress!!!

    https://g1.globo.com/politica/noticia/lula-tem-31-bolsonaro-15-marina-10-aponta-pesquisa-datafolha-para-2018.ghtml

    Pesquisa nos comentários:
    Bolsonaro: 4310 likes (86%)
    Lula:692 likes

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:50

      dia! como falei com o pessoal, não importa quantos por cento de intenção de voto Bolsonaro tenha, vão dar menos de 20% enquanto puderem esconder isso. Limite psicológico.

      0
      • Fênix 15/04/2018 at 09:54

        E até agora a fakepress quietinha com essa manipulação bizarra do datafodasse que ocorreu nas eleiçoes do RJ. Flavio Bolsonaro era mostrado com o mesmo percentual que Indio, Feghalli e um outro lá (cada um com empate tecnico de uns 6%).
        Quando abriram as urnas, ele ficou com 14%! Sendo que perdeu muitos votos devido à migração para o voto útil do Pedro Paulo. Sem a manipulação ctz que teria ido ao segundo turno com o bispo.

        0
        • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:56

          mesmo esquema. Se travaram em 17% certamente ele tem mais de 25%.

          0
          • Fênix 15/04/2018 at 09:58

            Melhor coisa que vai acontacer é o Bolsonaro levar com folga ja no primeiro turno. Vai ser lindo!

            0
    • Indião 15/04/2018 at 09:50

      Datafake dobrando a meta
      Kkkk

      0
      • Barnabezinho 15/04/2018 at 09:54

        O “cenário 4” é RISÍVEL. E as simulações de segundo turno ignoram a progressão dos votos. Tipo, em TODOS OS GRÁFICOS bolsonaro está com 17% fixos. Isso é mera desonestidade. Eles ignoram que parte dos eleitores de Lula não migrará para outros candidatos. Apontam que até o cirão da massa chega. cara, MARINA bater bolsonaro é palhaçada. Nem pra deputada ela leva.

        0
        • Amy Rose 15/04/2018 at 10:11

          A tartaruga está completamente apagada, impossível dela ganhar. Se queimou nos últimos anos ao ficar em cima do muro sempre.

          0
          • Nonada 15/04/2018 at 12:00

            Basta inquiri-la: Pq Vc sumiu todos esses anos, Quirida!

            0
    • Nonada 15/04/2018 at 13:34

      There, out of here, they take it seriously.

      Assim, sabe-se que o que se publica não é apenas para o público interno, mas também para o público externo.

      http://www.foxnews.com/world/2018/04/15/brazils-ex-leader-still-leads-in-polls-after-arrest.html

      0
    • Intendente 15/04/2018 at 14:18

      Mas que diabos. Como o Lula seria candidato? Esquizofrenia tá intensa, heim.

      0
  • Neco 15/04/2018 at 09:52

    A parte B do versículo de Zacarias 4.6 diz:

    Não por força e nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos.

    Só o Espírito Santo de Deus consegue fazer frente a esse mal.

    Esse mal é coordenado pela besta descrita no apocalipse, a força da besta é grande. É como um enxame de gafanhotos, ele se move, não sabe porque se move, apenas se move. Dai nenhuma iniciativa humana vai conseguir atenuar este movimento. Somente com a presença do Espírito Santo de Deus é que se conseguirá resultados.

    0
  • Zé do Faz 15/04/2018 at 10:00

    Third Admin.

    Domingo frio em Curitiba. Chupa acéfalos petistas.

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 10:01

      Geral já meteu o pé da praça, né???

      0
      • Zé do Faz 15/04/2018 at 10:03

        Barna, pelo que sei já saíram uma parte.

        Daqui 1 semana ninguém nem vai mais falar nisso. Esfriou o assunto. Lula já era.

        0
    • Nonada 15/04/2018 at 12:01

      Kkkkkkk, Curitiba e seu inverno “russo”.

      0
  • Fênix 15/04/2018 at 10:06

    Hahhahaha…

    CARACTERÍSTICAS DE UM PRESIDENTE RAIZ- Caneta Bic;- Mega-Sena no bolso;- Pistola na cintura;- Celular Samsung;-…

    Publiée par Direita RMVale sur Dimanche 15 avril 2018

    0
    • BananenseNãoPraticante 15/04/2018 at 10:35

      Excelente!

      0
    • BananenseNãoPraticante 15/04/2018 at 10:37

      Putz! Vergonha alheia!

      0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 10:35

    Aproveitando hoje para assistir a série dos vídeos do Brasil Paralelo. Desde cedo assistindo. Já estou na parte 4.

    0
    • Manco 15/04/2018 at 10:39

      ótimo programa para um domingão chuvoso.

      0
    • BananenseNãoPraticante 15/04/2018 at 10:48

      Tinha um pessoal comentando sobre Brasil Paralelo em uma festinha de criança que fui!
      Eu fiz questão de repetir o enfoque que eles dão, que a História ensinada pela escola não é a nossa verdadeira História.
      Um dos convidados (declarado eleitor do Mito) começou a falar sobre os feitos de Dom Pedro II!
      Depois discursou contra ideologia de gênero! E todo mundo concordando!
      Isso tudo enquanto tocava músicas do patati patatá!
      Parece ser um caminho sem volta.
      E nós venceremos!

      0
  • Bruno L 15/04/2018 at 10:36

    Sobre o tópico, ainda recebo e-mail da Unicamp. Esse foi enviado via e-mail institucional para os alunos e ex-alunos:

    “meu nome é Rafaela e sou aluna da faculdade de Engenharia Mecânica da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e sou representante da Comissão Acolhedora (CA) da Liga das Engenharias da Unicamp (LEU).
    Essa comissão foi firmada em 2016, com o intuito de atuar durante festas e eventos universitários, evitando que atitudes machistas, racistas e LGBTfóbicas ocorram e, caso aconteça, iremos receber e acolher a vítima, visando principalmente sua segurança, além de tomar, quando necessário, atitudes para com o agressor.
    Em 2017 algumas meninas da Escola Politécnica da USP produziram um vídeo denunciando, principalmente, o preconceito, racismo e machismo presentes no ambiente universitário. Diante disso, os membros da CA resolveram produzir um vídeo semelhante com o mesmo intuito e algo a mais: denunciar o ambiente universitário e o preconceito e repressão da sociedade com mulheres que querem se formar nos cursos de engenharia; além disso, provar que nós mulheres somos capazes de cursar o que queremos e realizar tarefas tão bem quanto, senão melhor, que os homens, ou seja, que o gênero não é um fator limitante da capacidade humana.”

    0
    • Manco 15/04/2018 at 10:41

      Quantas mulheres engenheiras de processo vocês conhecem? Não digo processinho limpo, mas de metalúrgica, fundição, na verdade qualquer coisa que tenha ruído suficiente para colocar um protetor auricular e calor suficiente para suar o dia inteiro?

      0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:14

      pode me bater a fu…….masssssssssssssssssssssssssssssssssss…mulé nasceu pra ser o esteio do lar…..ponto!!!

      0
    • Bruno L 15/04/2018 at 11:50

      Na verdade eu postei mais porque vejo que hoje, mesmo nos cursos de exatas e saúde, parece que tudo gira em torno de “evitando que atitudes machistas, racistas e LGBTfóbicas”.

      Eu sinto por ter visto ao longo do tempo o que fizeram com aquela universidade. Muitos colegas meus hoje estão trabalhando no Google, FB, Amazon, bancos fora do país (praticamente 60% da minha turma saiu do pais), montaram suas próprias empresas no Brasil. Muitas empresas privadas tinham parcerias com a Unicamp para desenvolver tecnologia para o mercado. Tinha que agendar para usar os melhores equipamentos para pesquisa, e ter bom rendimento para conseguir alguma bolsa, seja pública ou privada.

      Hoje ao entrar na Unicamp você só vê cartazes de movimento feministas, “luta” por cotas, as empresas em parceria sumiram, laboratórios de pesquisas com pouquíssimos alunos. Acho que a partir de 2010, desandou. E os futuros professores que sairão das exatas (matemática, física e química) estão tão doutrinados quanto a humanas.

      0
      • AL 15/04/2018 at 12:01

        E os futuros professores que sairão das exatas (matemática, física e química) estão tão doutrinados quanto a humanas.

        Isso é o que mais me preocupa.

        0
  • Rouxinol 15/04/2018 at 10:42

    Ótimo texto Al, essa esquerda é um lixo, cada dia mais enojado com essa raça.

    0
  • Fênix 15/04/2018 at 10:53

    Aço!!! (Publicação recente do Gen Paulo Chagas no FB)

    Carta aberta ao Exmo Sr Ministro Gilmar Mendes

    Matéria jornalística dá conta de que o senhor repudia as “manifestações” do Comandante e de outros oficiais generais do Exército Brasileiro. Considerando a credibilidade das Páginas Eletrônicas que publicaram a matéria e não encontrando qualquer posicionamento contrário, conclui ser verdadeira.

    Assim como o senhor, tenho o direito democrático e republicano de me expressar e digo, em alto e bom som, que a liberdade de expressão é uma garantia constitucional e esta garantia é muito clara na Lei 7524/86, que, em seu artigo primeiro estabelece que “é facultado ao militar inativo, independentemente das disposições constantes dos Regulamentos Disciplinares das Forças Armadas, opinar livremente sobre assunto político, e externar pensamento e conceito ideológico, filosófico ou relativo à matéria pertinente ao interesse público”. Assim me comporto.

    Os militares são homens sérios e responsáveis, Sr Ministro, e não se manifestariam se a situação no País estivesse normal, se não estivéssemos vivenciando uma avalanche de denúncias sobre desmandos, corrupção, instabilidade jurídica e incitações a crimes, entre outras agressões à normalidade da ordem – com envolvimento direto de autoridades dos Três Poderes e outros cidadãos que já ocuparam os cargos mais elevados da administração do País.

    Somam-se a tudo isso esdrúxulas discussões entre Ministros da Corte Suprema com acusações mútuas de condutas antiéticas, que mereceriam, em qualquer outro lugar do mundo, rigorosa apuração.

    Sugiro que Vossa Excelência mande fazer uma pesquisa para verificar se o Povo está tranquilo e em paz e se acredita e confia nas mais altas autoridades da República.

    Creio que a resposta será um retumbante não! Pois, faz muito tempo que as instituições nacionais estão fora da realidade, dissociadas dos anseios do Povo, dando a lamentável impressão de que trabalham para outros patrões, talvez alienígenas.

    Se a última esperança de salvar a Nação do caos, depositada pelos brasileiros nas mãos dos Ministros do STF, está desmoronando, onde estará a salvação?

    Estamos na fronteira entre a desordem e o caos total, o limite está bem à nossa frente. O Brasil está perdendo o rumo e logo a baderna se instalará, com sérias consequências que certamente desaguarão nas responsabilidades constitucionais das Forças Armadas, última reserva física e moral da Pátria.

    Embora VExa não queira enxergar, é bom saber que ainda existe um grupo de cidadãos que ama o Brasil e que por ele dará a vida se for preciso!

    Os Chefes militares sabem, Sr Ministro, que o emprego das Forças Armadas para o restabelecimento da ordem interna não será sem traumas e essa é a diferença entre elas e as demais instituições republicanas.

    Com a omissão do Supremo diante do caos, restarão, apenas, as Forças Armadas e isso não é ameaça é fato real!

    O Povo confia nas Forças Armadas como último baluarte e o General Villas Bôas simplesmente tranquilizou a Nação, renovando, de forma concreta, o juramento que todo militar presta perante a Bandeira Nacional, assegurando-lhe que o Exército compartilha o anseio de todos os cidadãos de bem e que repudia a impunidade, respeita a Constituição, deseja a paz social e a Democracia e se mantém atento às suas missões institucionais. Nada mais simples, oportuno, democrático, republicano e constitucional!

    A História comprova que o Exército Brasileiro é o Povo fardado, portanto, Sr Ministro, pense melhor antes de manifestar-se a respeito dele ou de seus Chefes, porquanto, diferentemente do Supremo Tribunal Federal, eles têm e merecem a confiança daqueles que lhes confiaram as suas mais poderosas armas!

    Respeitosamente

    Gen Bda Paulo Chagas

    0
    • Alta Mogiana 15/04/2018 at 10:59

      Os intervencionistas não aguentam mais bla bla bla bla. Querem aço. Quem aço saindo dos quarteis e tomando os quatro cantos do Brasil. Não adianta bla bla bla bla bla com comunista. Comunista se cura com aço na prática não no papel.

      0
      • Neco 15/04/2018 at 11:06

        Não vai acontecer. Teremos eleições, com ampla vitória da direita.

        Essa parte vai melhorar mas na economia teremos muito trabalho.

        0
  • Nonada 15/04/2018 at 11:00

    Caros Bolhistas,

    Bom dia.

    Ontem às 03:43 da madrugada postei um link para o FB no qual havia um vídeo em que o próprio 9F, com uma camisa vermelha, se detonava e mostrava a sua verdadeira cara, bem como do PêTê.

    Hoje, pela manhã, o vídeo não existia mais no link. Havia desaparecido.

    Estamos em 1984!?

    Chegamos a esse nível?

    Se sim, vou entrar para escola de teatro para aprender a dissimular com maestria.

    >;(
    ———————————–
    “Nonada 15/04/2018 at 03:43
    Folks, já puseram essa atrocidade aqui?

    https://m.facebook.com/groups/1466535923677265?view=permalink&id=1959804757683710

    0
    • Nonada 15/04/2018 at 11:02

      Tentei vasculhar no cache do meu celular e nada. Caso alguém saiba alguma técnica para resgatar arquivos assistidos no FB (1984), pode ser útil.

      0
      • Neco 15/04/2018 at 11:13

        FB não é confiável.

        0
        • Nonada 15/04/2018 at 11:44

          Obrigado.

          0
          • Neco 15/04/2018 at 11:52

            Antigamente os arquivos que nós alteravamos ou assistíamos ficavam na pasta temp do computador. Hoje não é mais assim. Os sistemas baixam os arquivos em partes e vc não consegue montar. A menos que use uma ferramenta adequada para isso é baixe todo o arquivo antes de assistir.

            0
            • Nonada 15/04/2018 at 12:11

              Agora, com esse evento, aprendi isso que, conforme a importância do vídeo, deverei salvar antes.

              Bem-vindo ao mundo Orwelliano de 1984.

              0
              • AL 15/04/2018 at 12:14

                Fala do conteúdo, por favor.

                0
                • Nonada 15/04/2018 at 21:10

                  Caro Al,

                  o vídeo fora postado no FB pelo “GRUPO ANTICORRUPÇÃO E APOIO A DELTAN DALLAGNOL” e possuía atribuição de ter sido gravado pelo Palocci.

                  Não obstante haver bastante conexão entre as falas do 9F, o vídeo era notoriamente editado.

                  Eu assisti o vídeo às 3, quase 4 da matina, e lembro de poucas palavras, porém detona o 9F e o Pêtê.

                  Nele, o 9F, com camisa vermelha, dizia verdades de sua atuação e da atuação do Pêtê tais como: não importa a democracia; não se importavam com o país; e não se importavam com os brasileiros.

                  Citava o facismo e o nazismo como alternativas melhores que a democracia.

                  E por aí vai.

                  Um completo escancarar da mentalidade doentia desse povo.

                  0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 11:14

    “Prefessora” na era do PT

    Tente não rir 😂😂😂

    Publiée par Rio Conservador sur Jeudi 8 février 2018

    0
  • civilizado 15/04/2018 at 11:19

    BRASIL
    Sem Lula, Marina avança e cola em Bolsonaro nas eleições 2018
    Na primeira pesquisa após prisão de Lula, Datafolha mostra que Marina Silva e Ciro Gomes são os que mais ganham com petista fora da disputa

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:20

      Se Lula sair do páreo
      Nos cenários em que Lula aparece fora da disputa, Marina e o deputado Jair Bolsonaro ficam tecnicamente empatados — ele com 17% das intenções de voto, e ela com 15% ou 16%.

      Já Ciro Gomes fica com 9% das intenções de voto. Tecnicamente empatado portanto como ex-ministro do STF Joaquim Barbosa (filiado ao PSB e potencial presidenciável), que tem entre 9% e 10% das declarações de apoio, e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, cujas intenções de voto variam de 7% a 8%.

      Os potenciais substitutos de Lula na disputa não superam os dois pontos percentuais na pesquisa. O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad aparece com 2% e o ex-governador da Bahia Jaques Wagner fica com apenas 1%.

      O mesmo acontece com a deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB), que fica com no máximo 2%, e com o líder do MTST, Guilherme Boulos (PSOL), que pontua 1%. Ambos foram apoiados publicamente pelo ex-presidente em seu último discurso antes da prisão.

      Segundo a sondagem lançada hoje, dois de cada três eleitores de Lula deverão votar em quem ele apoiar nessa corrida presidencial, caso o petista fique impedido de disputar o pleito.

      Da atual base governista, o presidente Michel Temer (MDB), que já aventou a possibilidade de reeleição, tem apenas 2% das intenções. Seu ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles não passa de 1%.

      Os demais postulantes ao Planalto, como o ex-banqueiro João Amoedo, do Novo, marcam no máximo 1% das intenções de voto. O ex-presidente Fernando Collor (PTC) tem 2%, o atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), e o empresário Flávio Rocha (PRB), 1%.

      0
  • civilizado 15/04/2018 at 11:21

    Se Lula sair do páreo
    Nos cenários em que Lula aparece fora da disputa, Marina e o deputado Jair Bolsonaro ficam tecnicamente empatados — ele com 17% das intenções de voto, e ela com 15% ou 16%.

    Já Ciro Gomes fica com 9% das intenções de voto. Tecnicamente empatado portanto como ex-ministro do STF Joaquim Barbosa (filiado ao PSB e potencial presidenciável), que tem entre 9% e 10% das declarações de apoio, e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, cujas intenções de voto variam de 7% a 8%.

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:21

      Se Lula ficar na disputa
      A pesquisa também mostra, por outro lado, que a prisão impacta o próprio desempenho do ex-presidente Lula nas intenções de voto. Em janeiro, ele tinha 37% das declarações de apoio. Hoje, pontua no máximo 31%.

      Jair Bolsonaro continua em segundo lugar com 15% das intenções de voto; Marina, com 10%; Joaquim Barbosa pontua 8%; Ciro Gomes, 5%; Alckmin pontua 6%. Os votos brancos e nulos variam entre 13 e 14%.

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 11:23

        Porrra me fala aí…quem vota no mula?!?!?! 37%….?!?!?!? que datafolha desgraçada!!! mentirosa!!! FDP!!! não conheço ninguem que vota no mulaaaaaaaaaa

        0
        • Neco 15/04/2018 at 11:30

          Ainda tem muita gente que vota. Infelizmente.
          Aqui na cidade onde eu moro, interior do PR mula tem eleitores, imagina no nordeste.

          0
          • civilizado 15/04/2018 at 11:33

            Mas Neco claro que tem,nas não passa de 15%, 18% ….

            0
            • Neco 15/04/2018 at 11:52

              Deus te ouça.

              0
  • Final Countdown 15/04/2018 at 11:22

    Nemvou perder tempo com Datafalha
    Caceta. Receberam dinheiro na lava jato , gente

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:24

      tinham que fechar esta instituição!!!,,esquerdista FDP!!!

      0
      • EngenheiroMG 15/04/2018 at 11:25

        Tinha que prender e depois fechar.

        0
        • civilizado 15/04/2018 at 11:27

          Pesquisa Datafolha
          CAMAROTTI: Pesquisa preocupa PT sobre espólio de votos do Lula

          Colunista avalia que pesquisa mostra que a prisão teve efeito negativo nos planos do PT.

          0
    • Manco 15/04/2018 at 11:28

      Na minha opinião a pior parte da pesquisa foi essa, jogam que 54%, um pouquinho mais que 50% para dar a maioria, acham a prisão justa e 40% como injusta, VTNC.

      0
  • Neco 15/04/2018 at 11:31

    Culto a mula é uma doença, praticamente incurável.

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:34

      le não é serumano é uma idéia….(51)…

      0
  • Fênix 15/04/2018 at 11:31

    Hahaahah…..Vejam!!!!

    – Na divisão de classes o avanço do socialismo.- Peço assistir, comentar e compartilhar.

    Publiée par Jair Messias Bolsonaro sur Dimanche 15 avril 2018

    Chupa essa Raquel Dodge!!!!!!

    0
  • Grandecupincha 15/04/2018 at 11:36

    Prezados, bom dia!

    Cursei universidade (Direito – pública) no período 2000-2004, ou seja, daqui a pouco minha experiência de campus completa 20 anos e queria com esse post salientar as diferenças e as semelhanças com a atualidade.

    Sempre que comparei meu período de faculdade com a atualidade, com essa loucura atual de lacração, vitimização, invasões, esqueropatia, eu me sentia impelido a achar que não existia isso na minha época, que essa psicopatia surgiu como que por encanto…

    Só que, pensando melhor, não.
    Essas maluquices estavam já todas lá, como uma sementinha no inverno esperando a temperatura ideal para florescer.

    As aulas de Direito Penal, por exemplo, já estavam tomadas pelos tais “garantistas”, professores defensores de bandidos, mas que justificavam suas posições alegando que a Constituição Federal tinha diversas garantias e que essas deveriam se extender para todos os cidadãos – que discurso lindo né?

    O professor Aury sempre dizia: “Vocês querem que ‘bandido’ se ferre, mas vai o priminho pitboy da família se meter em confusão para vocês quererem pra ele toda a proteção da lei!” – eu ficava pensando, que se meus primos vagabundos fizessem m*, tinham mais que mofar na cadeia, gente que não trabalhava e não trabalha até hoje.

    Essa primaiada “de opiniões fortes”, que tá sempre fazendo textão, tudo chegando nos seus 30, morando com os pais, nunca trabalhando…… adivinhem só que ideologia politica eles seguem?

    Mas tergiverso…

    O que quero comentar é que até a lacração já existia:
    Todo final de semestre, eu e meus amigos íamos no mural dar risada dos nomes que alguns otários escolhiam para pôr no TCC.
    Quanto mais esquerdalha o tema, mais ridículo era o nome escolhido.

    Um exemplo de nome que me recordo até hoje:
    “Ciranda cirandinha vamos todos cirandar – o Direito Humano ao protesto e ao legítimo descumprimento da constituição frente a tirada de direitos.”

    Ou algo assim.
    Vejam que já estava tudo lá…. e não me refiro aos temas abordados, mas sim aquela postura de desafio á postura acadêmica… de superioridade moral a qual todos estamos acostumados.

    Pra mim, essa ojeriza ao formalismo é perfeita para esconder a pobreza de argumentação…
    Afinal, duvido que aquele acadêmico tinha realmente embasamentos para justificar sua apresentação, então você se reveste com a novilíngua, chama seus amigos do DCE para te assistir; se for reprovado, pode acusar a banca de todos os ‘ismos’ possíveis, sem precisar pensar que deveria ter lido ao menos um livro para tentar embasar a sua tese.

    Ou seja, por mais que essa gente fosse minoria, eles já estavam lá, igualzinho hoje em dia.

    Amigos mais velhos me referem que, nos anos 80, 90, já existia isso – já havia meia dúzia de malucos abordando temas da extrema esquerda, temas que hoje são tidos como recentes, mas já estavam em banho maria nos laboratórios avançados dos globalistas…

    Ou seja, lacração, LGTBQQR, minorias, de recente, de espontânea ou orgânica não tem nada…

    Porém, como sempre abordamos aqui: a esquerda vinha numa boa, comendo pelas beiradas, subindo um degrau depois do outro… e dificilmente seriam percebidos.

    Por diversos motivos, resolveram pisar no acelerador… e o povo acordou.
    Se fud****, pior para eles.

    Uma última nota: a Manu estava direto no DCE, adorava um trago, jogar sinuca e era gordinha.
    Hoje em dia ela está muito mais gata.
    A vi um dia no shopping Moinhos, ano passado, estava tuda emperuada chamando a empregada com aquela postura escrota de madame, que esquerdista tanto diz odiar.
    Me reconheceu mas fez que não me viu.
    Melhor, eu estava com a patroa…
    Quem te viu quem te vê, Manu…

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:45

      Manu VTC…..doente!!!!

      0
    • civilizado 15/04/2018 at 11:46

      aommeu ver foi aí que os militares erram, quando teve a intervenção…atacaram as milicias , mas não os cabeças pensantes da universidades….erro grotesco!!!

      0
      • AL 15/04/2018 at 11:56

        Por isso Moro age com age.

        Ou seja, já cansei de falar aqui, a lava jato é a verdadeira intervenção, e é militar.

        0
        • Manco 15/04/2018 at 12:01

          Podem falar o que for mas OC é um dos líderes da intervenção cultural, alguém sabe como ele está?

          0
          • AL 15/04/2018 at 12:05

            Sim Manco, isso é inquestionável, o que digo é que tudo o que ocorre não foi por acaso, os atores principais vem muito bem respaldados pela alta cúpula militar, que cansada com tudo isso resolveu intervir mais uma vez, no entanto, sem repetir os erros de 64, inclusive o de não travar a guerra cultural.

            0
      • Alta Mogiana 15/04/2018 at 12:07

        No Brasil Paralelo, acho que no 4 episódio eles dizem isso, que os militares deixaram os esquerdistas tomarem a parte cultural e educacional do país.

        0
    • AL 15/04/2018 at 11:59

      Cupincha, parabéns!

      Meu caro, sei que deve estar atarefado, como bom bolhista, mas gostaria de escrever pro blog com mais frequência?

      0
      • Grandecupincha 15/04/2018 at 12:15

        Oi AL, bom dia!
        Muito obrigado, aprendi e aprendo muito aqui nesse espaço!

        Na verdade estou atarefado sim, hehehe, mas como qualquer bolhista!

        Podemos tentar, com certeza. De que frequência estamos falando?

        0
        • AL 15/04/2018 at 12:16

          Semanalmente ou quinzenalmente, aos fds, conforme o seu tempo disponível.

          0
  • Neco 15/04/2018 at 11:46

    https://g1.globo.com/monitor-da-violencia/noticia/mapa-mostra-mais-de-3-mil-pessoas-assassinadas-em-fevereiro-no-brasil.ghtml

    6 estados ainda não divulgaram os dados.

    Só um odiota que não vê que Stamos em guerra.

    0
  • Sideshow Bob 15/04/2018 at 12:00

    Eleição sem Fernandinho Beira-Mar é golpe.

    0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 12:16

    Despesas básicas sobem acima da inflação e tiram R$ 14 bilhões do consumo
    De janeiro de 2015 para cá, o porcentual de renda disponível caiu quase dois pontos porcentuais, de 45,6% para 43,76%

    https://exame.abril.com.br/economia/despesas-basicas-sobem-acima-da-inflacao-e-tiram-r-14-bilhoes-do-consumo/

    0
    • AL 15/04/2018 at 12:17

      Precisamos falar mais sobre isso!

      0
  • AL 15/04/2018 at 12:19

    Caralho, esse vídeo do Mito sobre o racismo, postado acima, está muito foda!!!

    0
  • Final Countdown 15/04/2018 at 12:31

    CVRzinho do HELL
    Eu e família fomos a um aniversário de um ano, filha de casal de 23-25 anos. Conhecemos a avó
    Lá chegando, nos deparamos com uma massa enorme de jovens, que doram curtir a boca livre , levando suas vodkas pra anestesiar a falta de liberdade que a violência impõe no HELL
    Todos criados a leite com pera , e de faculdades de humanas, marketing principalmente
    Daí Mrs Countdown solta:
    – Impressão minha ou o esses jovens estão mais baixos???
    Cara, eu com meus 1.75 era dos MAIS altos da festa
    Aí comecei a reparar no físico dos imbecis intelectuais de feicibuk
    Eu, com 40 e porrada tinha mais massa muscular que 90% deles
    Povo pequeno, franzino, flácido, ocioso
    Meldeus… eu com 20 era forte, mas Forte de verdade, e nunca passei dos 80kg
    Acho que em 10 minutos encerrava uma porradaria com uns 20 deles
    Sapohha de emasculinizacao tá funcionando a toda…

    0
    • Manco 15/04/2018 at 12:35

      Soyboys não curtiram seu comentário opressor.

      0
    • Manco 15/04/2018 at 12:39

      Aproveitando, alimentação e estilo de vida influenciam um bocado na questão física, apesar da minha família seguir uma linhagem mais alta, talvez pela descendência samurai, eu sou o mais alto de todos 1.85m. Talvez não seja a toa que eu sou conhecido também como chato para comer e ligado à esportes. Entenda-se chato nesse caso: desde pequeno preferir comer comida de verdade e em grandes quantidades.

      0
    • EngenheiroMG 15/04/2018 at 12:39

      hahahaah
      vou além….as novinhas andam muito descuidadas… moças de 27 a 32 estão dando baile.
      Mas, ainda vou nas novinhas tbm…. hahahah
      Quanto aos homens, alem do que vc disse, a quantidade de viado tem aumentado e não acho que são pessoas no armário não… Temos mais viados hj que 10 anos atrás.

      0
      • Nonada 15/04/2018 at 12:55

        Eu tb vou nas novinhas. 😉

        0
        • civilizado 15/04/2018 at 12:56

          tarado!!!kkkkkkkkkkkkkkkk

          0
          • civilizado 15/04/2018 at 12:57

            e éééé bammmmmmmmmmmmmmmmmmm

            0
            • Manco 15/04/2018 at 13:04

              Vocês ficam aí utilizado o termo “novinhas” deliberadamente depois quem toma bronca do Barná porque o BoB fica no top buscas de sacanagem sou eu.

              0
          • Nonada 15/04/2018 at 13:07

            A minha novinha agora tem 19 aninhos!

            0
            • civilizado 15/04/2018 at 13:08

              mass então tu ta criando!!!kkkkkkkkkkk

              0
              • Nonada 15/04/2018 at 13:12

                Em parte, sim.

                Sei que nunca me senti tão bem!

                0
                • Nonada 15/04/2018 at 13:13

                  Não por ela ser novinha, mas por nos identificarmos em muitos, muitos aspectos da relação.

                  0
                  • civilizado 15/04/2018 at 13:14

                    çeiiii

                    0
                • civilizado 15/04/2018 at 13:14

                  hummm…tenho uma leve ideia!!!!kkkk

                  0
            • RalaTudo 15/04/2018 at 16:44

              enquete do Blog….

              quem aqui já passou dos 40 e começou a se relacionar com uma menina/menino maior de idade e menor de 30 anos ?

              0
              • Nonada 15/04/2018 at 21:12

                Eu tenho 50 e ela tinha 18. Agora tem 19. 😉

                0
                • Nonada 15/04/2018 at 21:25

                  Já havia saído com umas de 22, 25, 24, 20 e 19. Isso foi um ano depois de me separar, quando liguei o que se exploda o que pensem se estou com uma guria nova.

                  Agora, namorar mesmo foi com essa. Na época a de 22, ficou irritadíssima, pois estava se apaixonando. Na verdade, até hoje me dá umas cutucadas, mas não caio em possíveis armadilhas.

                  Em todas as situações, não houve dinheiro como a maioria dos idiotas pensa. Sou um homem culto, sensível (sem viadagem), e com uma pegada que elas gostam. Nunca frequentei academia, mas tenho músculos por gosta de nadar e bicicleta. Além disso, na hora do vamos ver, demoro a chegar lá e, quando chego, basta alguns minutos para recomeçar. Em outras palavras, o bicho pega. Afinal, mulher é uma iguaria que não tem igual e isso estimula muito. Quem gosta sabe como é. Ahhh, claro que já houve ocasiões de nada subir na hora, pois sou normal e não uma máquina. No entanto, de tudo, o melhor é a sintonia entre ambos. Isso não tem preço e cria a plenitude de se relacionar com aquela mulher em especial.

                  0
                  • RalaTudo 16/04/2018 at 00:09

                    situacao similar aqui.

                    estou nos baixo quarenta e ela nos vinte e poucos (baixos). é a sensação de nascer novamente, tudo é novo para ela, temos feito muitas coisas novas, viagens, experiências, comidas, países.

                    as vezes a diferença de idade se mostra… ela ainda não consegue vocalizar algumas coisas ou se congela perante algumas situações. Mas aí eu penso no quão se tornou horrível a situação com minha ex e tudo se encaixa numa boa.

                    Mas tenho plena consciência que há uma probabilidade grande de no futuro ela pensar que talvez a diferença seja muita e queira procurar alguém de sua idade.

                    0
    • civilizado 15/04/2018 at 12:39

      se duvidar nem levantam mais!!! por isso que as gatinhas tão atrás do mais experientes…..

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 12:41

        pudera whisky e drogas….já era!!!

        0
        • EngenheiroMG 15/04/2018 at 12:43

          muito… sem falar na mulecada de 20 anos abusando do viagra e similares. Aos 30 n fazem nada mais sem viagra.

          0
          • Manco 15/04/2018 at 12:47

            Falando em virilidade, estou pensando em matricular me no Crossfit, é do lado de onde eu estou morando agora, ansioso para saber a opinião do Quero e do AL sobre isso rs

            0
            • EngenheiroMG 15/04/2018 at 12:49

              Cara, eu até acho legal a proposta… mas não faço com medo de lesões… muito esforço sem técnica e acompanhamento. Acho muito fácil conseguir uma lesão nisso. Se fosse sub 30 e sem lesões até arriscaria. Hoje, não mais.

              0
            • Oriundo 15/04/2018 at 12:50

              Tfaz um bico numa dobradinha borracharia/oficina que tá tudo certo kkk

              0
            • civilizado 15/04/2018 at 12:53

              não é barato!!!

              0
            • Intendente 15/04/2018 at 14:34

              Crossfit = lacração na academia = viadagem absurda

              0
              • AL 15/04/2018 at 15:08

                ?????????

                Ô Zé!!!

                ???????????????????

                0
                • Zé do Faz 15/04/2018 at 16:15

                  Eu?

                  Cada macaco no seu galho. kkkkkkkkkkkkkk

                  0
            • Kurt 15/04/2018 at 14:38

              E as suas articulações?Não seria melhor musculação para estabiliza-las e protegê-las?

              0
            • AL 15/04/2018 at 15:12

              Cara, na boa, já que vc tem experiência com esportes, se matricula numa academia low cost, tipo a smart fit e vai treinar musculação.

              Depois vai querer comprar Fit, usar coque samurai e qdo for ver vai estar bebendo caipirinha de lichia kkkkkkk

              0
          • civilizado 15/04/2018 at 12:49

            há mui anos atrás fui numa clínica para homens (cliente)…e aí falando coa recepcionista ..comentei que como é bacana essa clinicas ajudando homens mais velhos sobre disfunções erétil … ela olhou pra mim deu uma risadinha e disse….cara aqui aparece mais homens jovens de 18 ,20 anos…pra a cima, que homens mais velhos…..e eu…..bahhhhhhhhhhhhh!!!

            0
            • civilizado 15/04/2018 at 12:51

              cliente pois fazia e vendia uniformes profissionais….rsrsrs

              0
              • EngenheiroMG 15/04/2018 at 12:53

                uhu… çei
                hahahha

                0
                • civilizado 15/04/2018 at 12:53

                  kkkkkkkkkkkk

                  0
          • Nonada 15/04/2018 at 21:35

            PRIAPISMO. Saiba o que é.

            Vocês que se cuidem no uso de pílulas, priapismo (ereção persistente e dolorosa do pênis) causo pelo uso dessas pílulas é situação de urgência hospitalar e pode levar à disfunção erétil.

            https://pt.wikipedia.org/wiki/Priapismo

            0
            • Nonada 15/04/2018 at 21:52

              causo = causado

              0
    • AL 15/04/2018 at 13:33

      Soja rabo adentro, e otras cositas mas…

      0
  • AAC 15/04/2018 at 12:42

    Na minha epoca de graduaçao esse povo que nao toma banho ja enchia bastante o saco, era roda de ciranda com batucada (chamavamos debochadamente de malungaçao), maconha pra todo lado, greve de estudante, ocupaçao de reitoria e moradia estudantil…fora as bolsas de ajuda que mais de 90% eram destinadas ao pessoal de humanas, isso foi no inicio dos anos 2000…ah, mesmo pra projetos de pesquisa em exatas se nao desse uma esqueradada ficava difici uma bolsa de pesquisa

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 12:56

      pelo que sei continua assim…no que diz respeito as bolsas….nas humanas…

      0
  • civilizado 15/04/2018 at 13:07

    mais um bucadinhooooooooo!!
    LEIÇÕES 2018
    Eleitor de baixa renda e petistas reduzem crença em candidatura de Lula
    Eleitor de baixa renda e petistas reduzem crença em candidatura de Lula
    Percentual que acredita que petista não disputará eleição passou de 36%, em janeiro, para 52%

    Preso, Lula perde votos; sem ele, Marina alcança Bolsonaro
    Patamar de brancos e nulos é recorde a seis meses da eleição
    2018, uma eleição de nanicos
    PSDB perde espaço no Sul e no Sudeste

    0
    • Ardêncio 15/04/2018 at 13:10

      O PSDB cogitava que, se o Chuchu tivesse menos de 10%, talvez repensariam a candidatura…quero só ver agora.

      0
      • BananenseNãoPraticante 15/04/2018 at 13:19

        http://www.diariodopoder.com.br/noticia.php?i=98981831738

        “TROCA-TROCA
        PSDB TENTA AGORA FAZER DE ALCKMIN SENADOR E DE DORIA PRESIDENTE
        TUCANOS VEEM DORIA COM PERFIL IDEAL PARA ENCARAR ADVERSÁRIOS
        Publicado: 12 de abril de 2018 às 00:01 – Atualizado às 23:58”

        0
        • civilizado 15/04/2018 at 13:20

          kkkk.tão mais perdidos que cego em tiroteio….

          0
          • Ardêncio 15/04/2018 at 13:23

            Vão perder a presidência e deixar o governo de SP sem candidato forte deles…ARDAM!

            0
            • AAC 15/04/2018 at 13:30

              Eu por enquanto vou de Joice pro Senado

              0
        • Alta Mogiana 15/04/2018 at 16:31

          Gostaria que ocorreria essa troca. O Doria vem forte para o Governo Estatual. Paulista é tudo baba ovo desse PSDB. Teríamos a chance de tirar o PSDB do poder do Estado de SP.

          0
  • civilizado 15/04/2018 at 13:12

    Juíza do caso Lula aplicou medidas rigorosas em outros processos
    Discreta, Carolina Lebbos, 36, atua na administração de penas da Lava Jato no Paraná

    0
  • Nonada 15/04/2018 at 13:20

    O Trabalho ainda não terminou.

    “U.S. Ambassador to the United Nations Nikki Haley on Sunday defended President Trump’s declaration of “mission accomplished” in the Syria missile strikes, saying the president was talking in military terms about a singular task, not about foreign policy, while reinforcing that the “United States’ work in Syria is not done.

    http://www.foxnews.com/politics/2018/04/15/haley-warns-assad-trump-watching-us-work-in-syria-not-done.html

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 13:22

      a mulé gosta de guerra!!!

      0
  • AAC 15/04/2018 at 13:28

    Olhem o pulo do gato que querem fazer com a ajuda das urnas smartmatic: vao distribuir os tais 30% do mula pra um ou dois esquerdistas, com sorte ainda deixam o mito ir pra segundo turno, ai fraudam de novo…precisamos ficar muito atentos

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 13:35

      isso que me deixa de cabelos em pé!!! a tempo venho falando disso aqui!!!

      0
      • AAC 15/04/2018 at 13:37

        Minha esperança é que os militares acompanhem a apuraçao

        0
        • AL 15/04/2018 at 13:38

          Mantenham a pressão na rede e nas ruas.

          0
      • AL 15/04/2018 at 13:38

        Nego não deixou nem o Lula ser solto e vai deixar fraudar as eleições?

        Caraca…

        Mantenham a pressão no dia a dia, os militares senencarregam do resto.

        PAREM DE SER CAGÕES!!!

        0
        • Manco 15/04/2018 at 13:42

          Se o Lula se reelege via Smartimatic seria uma verdadeira convulsão social, agora o Joaquim Barbosa passaria tranquilo pela população.

          0
          • AAC 15/04/2018 at 13:46

            Lula ta fora…mas basta transferir uns 10% via fraude pra algum que ja tem 10% e pronto, passou o mito que tem 15%…todos sabemos que tem mais de 30% 40 ou 50% talvez, nao devemos subestimar a canalhice da esquerda…so os militares pra impedir isso

            0
        • civilizado 15/04/2018 at 13:45

          Al…tu ta vendo a dataporra fazendo o lado dela….

          0
          • civilizado 15/04/2018 at 13:45

            uma bela matrix…os cabeças de pano amam!!!

            0
          • AL 15/04/2018 at 14:53

            É da natureza dela, tbm é da natureza dos generais mandar eles enfiarem o rabo entre as pernas.

            0
    • Kurt 15/04/2018 at 13:38

      Boa tarde.
      Se os militares tomarem conta das urnas e ajudarem na apuração, então tudo bem…:)

      0
  • Ugo 15/04/2018 at 13:35

    Tá chegando

    “O caso JBS é escandaloso”
    Investigação revela mensagens de integrantes da cúpula do BNDES que lançam suspeitas sobre aportes milionários a grandes empresas
    https://epoca.globo.com/brasil/noticia/2018/04/o-caso-jbs-e-escandaloso.html

    0
  • Polaco 15/04/2018 at 13:46

    Lula já tem uma cela em Pinhais
    SALVAR
    Brasil 15.04.18 13:13
       
    Lula já tem uma cela pronta em Pinhais.

    O diretor do presídio, Luiz Alberto Cartaxo Moura, disse para a Folha de S. Paulo:

    “O espaço para ele está pronto. Ele pode optar pelo convívio ou pelo não convívio com outros presos, porque não sabemos as consequências das inimizades que ele possa ter lá dentro.”

    0
  • Oriundo 15/04/2018 at 13:46

    Rapaziada,
    Essa foto do tópico é fora da Banania?

    0
    • Nonada 15/04/2018 at 13:52

      Reds everywhere, Man!

      0
      • Nonada 15/04/2018 at 13:54

        SMJ, são do Paul Joseph Watson.

        0
      • Nonada 15/04/2018 at 14:24

        Encontrei a imagem no google que levou até aqui:

        0
    • AAC 15/04/2018 at 13:53

      Essas fotos acho que sao do ” antes e depois da federal”

      0
  • Subsenso 15/04/2018 at 13:47

    Tópico fantástico com as mais puras verdades. Tenho uns 5 CVRs só sobre esse tema, mas tenho que sentar para organizar o relato.

    Me limito a dizer que todos aqui que tem filhos se aproximando da idade universitária para pensarem muito bem antes de incentivar suas crias a cursar uma universidade pública e evitar a reprogramação do marxismo cultural – que se dá de forma às vezes muito sutil, capaz de subverter até jovens católicos praticantes, por exemplo, através do efeito de grupo.

    Já me extendendo um pouco, complemento apenas com três coisas:

    1) Não são só os cursos de humanas mais. Um dia já foram, hoje não mais. Está em tudo: Medicina, Engenharias, tudo. Talvez áreas específicas tenham uma menor exposição, mas os tentáculos são profundos.

    2) Pelo que percebi de minha experiência pessoal e de histórias de horro com membros próximos da família, existe uma exposição muito maior à influencia do marxismo cultural aqueles jovens que vão estudar longe de suas cidades-natal, e portanto ficam distantes do suporte e orientação familiar. A cabeça deles é 100% exposta aos grupos de coleguinhas e CAs porque não saem da universidade, e para estudantes de cursos mais “difíceis” como engenharia é a receita certa para o fracasso escolar. Isso se agravou muito com a história da unificação do Enem para admissão nacional e a extinção gradual dos vestibulares locais. Hoje, um jovem considera muito mais sair de seu estado natal para entrar em um curso concorrido em outros estados do que há uns 10, 15 anos atrás. Parece até que isso (o distanciamento familiar) foi planejado…

    3) Não é só no Brasil. Está ocorrendo em um ritmo muito acelerado no mundo todo – especialmente no eixo europa-américa do norte. Um professor canadense top mundial em sua área me confidenciou que Cambridge e Oxford já estão dominadas hpa anos em muitas de suas áreas, e seletivamente exportam as idéias mais absurdas. As Ivy league americanas estão caminhando a passos rápidos segundo as mesmas influências. Por enquanto, vejo apenas universidades menores privadas de campos específicos resistindo por mais algum tempo, e talvez instituições na europa oriental, Rússia ou China, mas são de muito dificil acesso para nós….

    Alimentando um pouco meu lado paranóico, enxergo que o acesso à educação superior está sendo vendido e expandido como uma “conquista” para o desenvolvimento da humanidade – mas não é mais o ensino superior que nós ou nossos pais e avós conheceram, e sim uma caixa de manipulação em massa a nível global. Pegaram o sonho dos filhos da classe média, e se apropriaram para seus próprios objetivos sombrios.

    Eu, particularmente, vou pensar seriamente se vou mesmo incentivar meus filhos (com 4 e 6 anos) a cursar a universidade na próxima década…

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 13:55

      vixxi…até lá…..mui agua pra passar em baixo da ponte…

      0
      • AAC 15/04/2018 at 13:58

        Ate la as universidades serao militares

        0
    • Manco 15/04/2018 at 14:00

      A escravidão é completa, os alunos sofrem uma lavagem cerebral e de quebra levam uma dívida para pagar o resto da vida.

      0
    • PapiranteSalg 15/04/2018 at 14:02

      “Sem educação, corremos o terrível risco de levar os intelectuais a sério.”

      G. K. Chesterton

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 14:03

        boa essa daí…

        0
  • Money addicted 15/04/2018 at 13:58

    Manco
    Falando em virilidade, estou pensando em matricular me no Crossfit, é do lado de onde eu estou morando agora, ansioso para saber a opinião do Quero e do AL sobre isso rs

    Crossfit é nuttela kk se matricule numa academia de vdd ou procure uma de boxe aí sim fica bom

    0
  • Bruno L 15/04/2018 at 14:04

    AL
    E os futuros professores que sairão das exatas (matemática, física e química) estão tão doutrinados quanto a humanas.

    Isso é o que mais me preocupa.

    Exemplos:
    Computação (não à toa a censura corre solta no fb, google):
    *https://www.facebook.com/larissa.gaulia
    *https://www.facebook.com/kcond

    Futura professora de física:
    *https://www.facebook.com/lui.assis

    Futura prof. de química que já faz estágio em um colégio de alto-padrão em Campinas:
    *https://www.facebook.com/sofia.bonuccelli

    Vejam as fotos que essa futura Eng Civil publicou de como estão as paredes da moradia da Unicamp e a discussão em que ela defende isso.
    *https://www.facebook.com/anegomeses

    Só olhar na lista de amizades dessas pessoas que verão que elas não são mais exceção a regra, mas a regra na Unicamp. E eu vejo essa situação pessoalmente quando tenho que ir pra lá, logo, não é uma crítica fundada em fotos, textões, comunidades de fb e instagram, mas a situação real é ainda pior pessoalmente.

    0
    • Manco 15/04/2018 at 14:24

      Trabalhe com uma engenheira formada recentemente e perceba isso, certa vez argumentei com uma que a condição dela era típica de países pobres e de desenvolvimento, onde as mulheres optam pela profissão mais pelo salário do que pela aptidão, ela surtou ehehehe

      0
    • Kurt 15/04/2018 at 14:25

      Em medicina na USP já existem calouros que usam palavras que terminam em x(ideologia de gênero), quando é conhecimento científico básico em medicina diferenças biológicas, de patologias e comportamentais entre os sexos.

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 14:26

        ..que bela merda…que isso está se transformando!!!

        0
        • Kurt 15/04/2018 at 14:28

          Teria que haver um expurgo generalizado.

          0
          • AL 15/04/2018 at 15:14

            Por isso ando empolgado com a ideia de guerra cívil, mas os revolucionários nutella não colaboram…

            0
            • Pão de queijo com café 16/04/2018 at 19:32

              Kkkkkkkkkkkkkk

              0
  • Jesus Freak 15/04/2018 at 14:17

    Fui pesquisar na internet sobre as fotos do tópico e descobri que algumas são da página de direita no twitter chamada: antes e depois da federal. Quem tiver estômago para ver as bizarrices, até o Joaquim Teixeira passou por lá. O melhor de tudo é que a primeira montagem é do Lula antes e depois da federal rsrs

    0
  • Grandecupincha 15/04/2018 at 14:24

    AL
    Semanalmente ou quinzenalmente, aos fds, conforme o seu tempo disponível.

    Desculpe a demora em reaponder, porém como disse vamos experimentar.
    Posso escrever um texto para essa semana e envio para o email do blog?

    0
    • AL 15/04/2018 at 14:55

      Perfeito, daí soltamos no fds que a galera lê com mais calma.

      0
  • Kurt 15/04/2018 at 14:35

    AL
    Sobre a política do apaziguamento pré segunda guerra mundial, a qual nyquist nega ter existido, pois segundo ele houve uma política de “desafio ” á hitler, a qual teria provocado a guerra.Existe ,na minha opinião ,uma tentativa pela esquerda de incentivar algo semelhante através do medo a nível político, e internacionalmente , a nível geopolítico.
    https://www.infoescola.com/historia/politica-de-apaziguamento-apos-primeira-guerra-mundial/

    0
    • AL 15/04/2018 at 15:01

      Concordo, e digo mais, da mesma forma que a tática do pavão é utilizada em nivel mundial, como nesse caso, o desarmamento tbm, ao desestimularem o armamento dos exércitos.

      Assim, além de manterem a bipolaridade, que favorece o discurso, fica fácil de manter o povo (demais países) subjulgado e com medo do pavão soviético e chinês.

      0
      • Kurt 15/04/2018 at 15:39

        Exato!

        0
  • Manco 15/04/2018 at 14:40

    Homem multado em 50 libras por deixar cair farelo de torta de porco na rua.

    http://metro.co.uk/2018/04/15/pensioner-fined-50-littering-dropping-crumbs-pork-pie-7469589/

    0
  • Manco 15/04/2018 at 14:45

    Millennials não querem mais tocar em carne crua, aí vem as soluções como enfiar um bife ou frango dentro do saco plástico direto no forno ou microondas, por consequência teremos mais BPA e outras substâncias acabando com a masculinidade dos homens, já não bastavam os soyboys.

    https://www.telegraph.co.uk/news/2018/04/15/sainsburys-introduces-touch-free-meat-packets-appease-squeamish/

    0
    • AL 15/04/2018 at 15:03

      Nem sei o que dizer.

      Claro…

      Vão tomar no cu, fodam-se!

      0
    • Galt 15/04/2018 at 15:46

      Sou pouco mais novo q a rapaziada do blogue, e vou te falar q está foda aguentar a minha própria geração.

      Muito mimimi para tudo, um grande pé no saco.

      Outro dia, eu mais um conhecido estávamos buscando informação pq estávamos perdidos em um região mais no interior.

      Paro em uma casa para pegar informação e tinha uns 4 caras tirando o coro de um boi recen abatido.

      Eu estava dirigindo e pedi para o boneco ir pedir informação, o cara diz que não consegue ir por causa do boi e etc. Tive q ir eu mesmo.

      Ano passado estava parado, e e entrei para um projeto voluntário, q é bem bacana , para aproveitar o tempo e não ficar parado. Esse ano acabarei tendo que sair pq não tenho mais saco para trabalhar com o pessoal da minha própria idade. Além disso, começaram a colocar as assinhas de fora e querer se manifestar politicamente( canhota claro)

      0
  • Floyd 15/04/2018 at 14:49

    Eduardo Bolsonaro foi muito burro em mandar uma mensagem ameaçando a Paty Lelé, a chance dele se foder legal é bem alta, só lamento pela imbecilidade.

    0
    • Floyd 15/04/2018 at 14:50

      Daí tem uma parte que fala que foi montagem e outra que é verdadeira, em quem confiar??o.O

      0
      • AL 15/04/2018 at 15:04

        Vc realmente está na duvida de em quem confiar???

        Tem prova?

        Não.

        Tem print.

        Print pode ser fraudado, msg não.

        0
        • Floyd 15/04/2018 at 15:15

          Hum, entendi. Um conhecido fez uma merda recentemente, mandou uma msg via zapzap imbecialaizando uma mina roqueira de esquerda por estar tocando em bandas de axé.
          Daí, ela postou o print da conversa, em que o gênio perguntou se ela curtia sexo a três e chamando ela para participar de um ménage, só nisso o Zé Ruela já implorou para a mina tirar a postagem do print, o mesmo foi do ano passado, para não acabar com o casamento dele.
          Sei lá, as vezes o povo manda um monte de merda e esquece, seria muito estúpido por parte dela criar uma polemica dessas a troco de nada.
          Vou confiar que o cara tem o ego controlado e esperar a perícia da justiça.

          0
          • AL 15/04/2018 at 15:17

            Pois é, ele não estaria contando com a perícia se tivesse cagado no pau.

            0
      • AL 15/04/2018 at 15:06

        0
  • Neco 15/04/2018 at 15:15

    Os militares tentaram mudar o movimento estudantil, mas parece que a coisa não deu muito certo
    “http://memorialdademocracia.com.br/card/movimento-estudantil

    A versão dos estudantes.

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 16:22

      Os militares acabaram com a UNE por esta ser mero braço do PCB no país. Com a CF/88 A UNE e a UBES foram novamente legalizadas – existiam ilegalmente desde a Anistia.

      0
  • Leonardo M. 15/04/2018 at 15:19

    1 semana de aniversário da prisão do Lula
    Será que emagreceu? Kkkkkkkk

    0
    • From_The_Tower 15/04/2018 at 15:23

      faltam apenas 627 semanas para cumprir a pena

      0
      • EngenheiroMG 15/04/2018 at 15:27

        E quando alcançar, vamos dobrar a meta

        0
        • From_The_Tower 15/04/2018 at 15:28

          em menos de 18 meses… no mínimo mais 03 condenações. Susse.

          0
          • Leonardo M. 15/04/2018 at 15:31

            E a cereja do bolo é que não vai poder mais fazer encenação
            Dá PF até o juiz e dk juiz até a PF, sem sindicato, Narizinho,LindoBrega, Requeijão…

            0
  • Leonardo M. 15/04/2018 at 15:33

    em fevereiro no Brasil
    Índice nacional de homicídios criado pelo G1 acompanha mês a mês os dados de vítimas de crimes violentos no país. São 3.276 pessoas mortas em fevereiro; isso sem contar com seis estados, que não divulgam os números. Quatro deles também não informam os dados de janeiro.

    https://g1.globo.com/monitor-da-violencia/noticia/mapa-mostra-mais-de-3-mil-pessoas-assassinadas-em-fevereiro-no-brasil.ghtml

    0
    • Alta Mogiana 15/04/2018 at 16:40

      A imprensa tem que pender para onde virá subsistência.

      0
      • Kurt 15/04/2018 at 17:01

        Sim ,eles estão “endireitando” por causa disso.

        0
        • Barnabezinho 15/04/2018 at 17:02

          sobrevive o mais adaptado ao meio, não necessariamente o mais forte.

          0
  • Formiga atomica 15/04/2018 at 15:56

    Boa tarde pessoal.
    Poderiam me dizer onde consigo a foto do tópico?

    0
    • Floyd 15/04/2018 at 15:58

      Só botão direito e salvar a imagem

      0
      • Formiga atomica 15/04/2018 at 15:59

        Obrigado. E no celular?

        0
        • Floyd 15/04/2018 at 16:01

          Sei lá, manda no seu email, baixa no cel aí vc poderá mandar para os seus abiguinhos!!o.O

          0
        • AL 15/04/2018 at 16:02

          Pressiona e aguarda ele lhe dar a opção de salvar no dispositivo.

          0
          • Formiga atomica 15/04/2018 at 16:30

            Obrigado.

            0
    • Oriundo 15/04/2018 at 18:33

      Não sei com vocês, mas qdo vejo essas coisas numa amplitude mundial, fora do circo daqui, me dá uma sensação ainda mais ruim.
      É desafiador educar alguém hj, sem dúvida.

      0
  • Floyd 15/04/2018 at 15:58

    Inocente, é aquele que não foi pego em flagrante.
    Victor Hugo

    0
  • calango_df 15/04/2018 at 16:26

    Oriundo 14/04/2018 at 17:58
    Alguem ja leu o livro Duas Faces da Glória, do William Waack?
    ——–

    (estou digitando do cel…peco licenca poetica para os erros.rs)

    eu ja li e,apesar de sabermos da orientacao ideologica do autor, eu gostei do livro (bem escrito, com fontes documentais reveladas pelo levantamento de chancela de sigiloso, entrevistas de ex combatente alemaes e etc). ele traz documentos ate entao sigilosos sobre a participacao da feb. ele ressalta logo no inicio que uma coisa eh a perspectiva do soldado que sai da banania mal instruido/equipado e se dispoe a lutar uma guerra num ambiente (montanhoso) e num clima (frio) no qual ele nao estava habituado. sob este ponto, o soldado da feb foi um verdadeiro guerreiro espartano. ele ressalta que o objeto do livro nao é essa perspectiva. a perspectiva do livro é a feb como uma forca militar de combate. ou seja, ele analisa como o time jogou e nao os jogadores individualmente.

    ele relata varias deficiencia operacionais da Feb, apresentando inclusive relatorios da inteligencia americana q condenavam a capacidade tecnica de combate da feb, que foi relegada a uma forca militar auxiliar, q operava como segunda ou terceira linha de combate. inclusive ele relata q o monte castelo, principal conquista da feb, nao passava de mais uma colina nos mapas alemaes. melhor explicando: no sistema de defesa alemao, monte castelo nao era a principal elevacao. relata que os americanos tomaram de assalto a principal elevacao (belvedere,salvo engano) conquistando a. depois deram o monte castelo como um “bonus game” p feb “resolver”, mas ainda assim, no transcurso da batalha, ficaram receosos que a feb nao fosse dar conta, dado o elevado nivel de baixas.

    enfim, sou um entusiasta da 2GM, mas esse foi o unico livro q li sobre a participacao da feb e isso ja tem uns 7 anos. sabemos q a italia era um teatro secundario de operacoes na 2GM, sendo que os alemaes destinaram a ela tropas de segunda linha, bem como era mal suprida mesmo em relacao a outras frentes de batalhas alemas.

    como a italia nao era o teatro principal de operações (chegou a ser o plano dos aliados, encabecado pelos ingleses, chegar a berlim via roma. mas nao deu certo), nunca me dediquei a estuda la mais profundamente.

    enfim, recomendo a leitura, com ressalva feita acima

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 16:29

      Já assistiu Rádio Auriverde, do Sylvio Back?

      0
    • Oriundo 15/04/2018 at 18:30

      Calango, gratidão!

      0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 16:39

    Trump ganhou no momento certo. Vai tentar por ordem na casa.

    há crescentes evidências de que os jovens de hoje, que possuem entre 18 e 29 anos, estão fortemente insatisfeitos com outros aspectos fundamentais de nosso sistema político e econômico. Especificamente, cada vez mais jovens estão rejeitando o capitalismo.

    51% da juventude americana entre 18 e 29 anos não apóia mais o capitalismo. Apenas 42% disseram apoiar, enquanto somente 19% está disposta a se afirmar como “capitalista”.

    A juventude de hoje rejeita o capitalismo, mas quer substituí-lo com o quê?
    A parte da população em geral que questiona o centro do capitalismo é a maior em pelo menos 80 anos de pesquisas sobre o assunto

    http://www.gazetadopovo.com.br/ideias/a-juventude-de-hoje-rejeita-o-capitalismo-mas-quer-substitui-lo-com-o-que-4wqxvsvtjuvl9motc9ri73sg8?utm_source=facebook&utm_medium=midia-social&utm_campaign=gazeta-do-povo

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 16:43

      a juventude de hoje pelo o que ela quer substituir o capitalismo??..fácil de responder….comunismo!!! só que estes idiotas não tem ideia do que é o dito cujo…

      0
  • Strike 15/04/2018 at 16:42

    “Com Lula fora do páreo, Jair Bolsonaro tende a estagnar nas pesquisas.”
    😀 😀 😀 😀 😀

    0
    • Barnabezinho 15/04/2018 at 17:00

      nego implora pra ir à merda.

      0
    • Knight-Doc 15/04/2018 at 17:39

      Esta será a narrativa p/ “justificar” a manutenção da porcentagem de votos válidos pelo DataFalha, daí sendo muito fácil tirá-lo até de um eventual segundo turno… será fraude na cara dura e os bananenses irão engolir… hoje meu sogro falava disso dizendo q o DATAFALHA NUNCA ERROU NOS ÚLTIMOS 20 ANOS AS ELEIÇÕES NA BANÂNIA…! Derrubar o SISTEMA será [email protected], mas não percamos a esperança! BOLSONARO 2018!

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 17:43

        bahhh Doc…ter um sogro que pensa assim é fodaaaaaaaaaaa!!!

        0
        • Knight-Doc 15/04/2018 at 17:44

          Ele só está na Matrix, não apoia a esquerda, mas repete tudo o q a mídia “manda” falar e pensar…!

          0
          • civilizado 15/04/2018 at 17:46

            bom, já é alguma coisa, nem tudo está perdido,rsrs

            0
            • civilizado 15/04/2018 at 18:01

              peça pra ele ver menos grooobuuu!!!rsrsr

              0
  • Strike 15/04/2018 at 16:43

    Será que ainda vem bomba na JBS???

    0
    • civilizado 15/04/2018 at 17:44

      ali é uma caixinha de surpresas…é papel pra fazer só day trader!!!

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 17:54

        amanhã é queda!!! com essa guerrinha…hummmm

        0
    • Neco 15/04/2018 at 17:50

      Esta na época de ontem, eu até postei alguma coisa e foi comentado alguma coisa no boteco, ou no tópico de ontem… parece que as ligações entre eles e o BNDS são mais profundas e promiscuas que parecem.

      0
      • civilizado 15/04/2018 at 17:55

        sim…é por ai!!

        0
      • Final Countdown 15/04/2018 at 18:51

        sapohha tem assunto pra umas 3 décadas
        tem muita água pra passar embaixo da ponte

        0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 16:43

    Escola Militar. Que bom que tivesse uma aqui na minha cidade.

    General Villas Boas

    Conta verificada

    @Gen_VillasBoas
    4 hHá 4 horas
    Mais General Villas Boas retweetou Comando Militar da Amazônia
    Meu caro amigo Gen Nardi, sua bela trajetória de vida castrense prova a importância do sistema colégio militar do @exercitooficial. Esses jovens são mais uma esperança de um Brasil desenvolvido moralmente, culturalmente e economicamente. #ObrigadoSoldado.

    0
    • AL 15/04/2018 at 16:54

      Tá atrasado, isso não dá em nada e explicamos o pq acima.

      0
      • Strike 15/04/2018 at 16:56

        https://goo.gl/G1FmED
        “Por que você não mata ele, Bauer? Por favor”, diz. “Quero sua palavra que você vai fazer alguma coisa com ele. Quero que alguma coisa aconteça com ele”, completa.

        0
  • Formiga atomica 15/04/2018 at 17:03

    Carlos lupino esperava a queda do Mito e o crescimento do pirogomes. Rarara.

    0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 17:06

    Vamos contestar o DataFolha, corrida presidencial…

    07% Ciro Gomes
    05% Marina Silva
    81% Jair Bolsonaro
    07% Geraldo Alckmin

    0
    • Knight-Doc 15/04/2018 at 17:43

      Tem q haver um jeito de um INSTITUO fora da INTERNET fazer isso de verdade e contestar na mídia…! Uma grande parcela do povo vai se conformar c/ uma fraude “justificada” pele DATAFALHA…! Veja mais acima o q escrevi…!

      0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 17:08

    Eduardo Bolsonaro

    @BolsonaroSP
    45 minHá 45 minutos

    Pessoal, a entrada AO VIVO de Jair Bolsonaro agora na Band será às 17:50h no programa Agora é com Datena – com @jairbolsonaro @DatenaOficial

    0
  • Juliana 15/04/2018 at 17:18

    Alguém já viu ou rubinhei?

    Modern education

    Scary modern education

    The scariest part is that this is happening.By Neel Kolhatkar

    Publiée par 9GAG sur Jeudi 12 avril 2018

    0
    • Strike 15/04/2018 at 17:30

      Fala, Juju!!! Rubinhou!!! Isso daí é mais antigo que anda pra trás… Mas vale a pena rever isso.

      0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 17:31

    GENERAIS DÃO NOVO RECADO AO POVO BRASILEIRO

    0
  • Knight-Doc 15/04/2018 at 17:36

    AVE, 300! DEUS VULT…!

    0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 17:47

    Bolsonaro ao vivo na Banda, agora

    0
    • Alta Mogiana 15/04/2018 at 17:51

      Foi só uma chamada. Entrevista completa depois do 3. tempo.

      0
      • Neco 15/04/2018 at 17:59

        ah bom…

        0
  • Quero mais é que se f... 15/04/2018 at 18:18

    Crossfit é muito modinha, esporte altamente perobado e que tem o condão mais de lesionar do que propriamente deixar os praticantes condicionados fisicamente.

    Não possuem, em sua maioria, acompanhamento adequado.

    Fujam disso aí.

    0
    • Alta Mogiana 15/04/2018 at 18:21

      Melhor lugar para se viver se quiser ter saúde: na roça.

      – ar puro.
      – comida saudável.
      – academia natural.

      0
      • Neco 15/04/2018 at 18:29

        Não no sul e nem no centro oeste, se usa muito agrotóxico.

        0
      • Neco 15/04/2018 at 18:32

        Os venenos são aplicados desde a antes de plantar, e cheiro do veneno vai a kms. Aqui no sul a maior parte das árvores cítricas, que tem espinhos, estão morrendo, devido ao uso de herbicidas.
        Quando esta seco, nas baixadas vc vê a poeira com veneno.

        Não aconselho ninguém a morar onde tem agricultura mecanizada.

        0
        • Alta Mogiana 15/04/2018 at 18:34

          Então tá tudo dominado pelo “progresso”. Vamos colonizar Marte!

          0
        • Indião 15/04/2018 at 21:39

          Confirmado, inclusive algumas frutíferas mais sensíveis não produzem mais quando expostas a herbicida e pesticidas. Tipo parreira, figueira, goiabeiras, amoreira, pitangueiras.
          Frutos literalmente apodrecem antes de crescer e amadurecer . Coisa muito estranha e muito ruim..

          0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 18:20

    Circulando no Face. Será que é verídico ou montado?

    “Ameaça do Eduardo Bolsonaro gravada. O mesmo vídeo foi entregue a polícia com o celular para perícia no ano passado, quando a denuncia foi feita.”

    https://www.facebook.com/jornalistapatricialelis/videos/1687963034592001/UzpfSTEwMDAwMTExNzY4OTU5NToxNjE0NzU3MDE1MjYwODgz/

    0
    • Strike 15/04/2018 at 18:50

      Hummm… Ela filmou então… Vamos ver o que vai dar.

      0
    • Knight-Doc 15/04/2018 at 19:48

      Eduardo não parece ser tolo a este ponto… a ver!

      0
      • AL 15/04/2018 at 20:04

        Ele não continuaria depois de ser avisado que estava sendo gravado.

        Seria muita burrice, e ele não é burro, além de ser mais controlado que o próprio pai.

        0
        • Manco 15/04/2018 at 20:25

          As aparências enganam, o Jair é muito mais focado.

          0
    • Sapato Furado 15/04/2018 at 20:39

      Cara, muito fake aquilo dali, é só você incluir o número nos seus contatos e ver no Whats e Telegram, não tem porra nenhuma a ver com o Eduardo.
      E outra, posso colocar uma foto e renomear o nome pelo número, então posso fazer parecer que é o número de quem eu quiser.
      Essa vagaba está armando e enganando a justiça, e eles sabem que Whats ou Telegram não fornecem nada de dados para a Justiça.

      Não sei como alguém pode dar crédito para MITOMANIÁCO e aliado do PT.

      0
      • Sapato Furado 15/04/2018 at 20:49

        Acabei de testar, inclua qualquer número no seus contatos e o renomeie com um número 55 (11) 9xxxx-xxxx e você pode fazer parecer que está falando com aquela pessoa, quando na realidade é com outra totalmente diferente.
        Para isso, basta ter dois celulares e dois chips.
        O fato desse número ser do Eduardo Bolsonaro não prova coisa alguma, pois até eu posso criar uma conversa dessas através desta forma, posso fingir que estou falando com Trump, com Lula, com a Xuxa… enfim, ridículo.

        0
        • Barnabezinho 15/04/2018 at 21:11

          fora os apps de conversas fake..

          0
          • Strike 15/04/2018 at 21:28

            Será que a PGR denunciou sem fazer uma perícia primeiro? Porque, se tivesse feito uma perícia, provavelmente o resultado seria inconclusivo. Nesse caso é a denúncia é provavelmente inepta. Vai ser fácil para ele se defender.

            0
            • Sapato Furado 15/04/2018 at 21:32

              Eu postei lá embaixo uma simulação feita.
              Na realidade ela filmou e deixou o celular para a perícia na denúncia, o que significa que seria analisado, mas não li nada dizendo que foi periciado e que concluíram que era ele.

              0
  • Oriundo 15/04/2018 at 18:23

    GNews as 18:30.
    Cidade italiana na Banania.
    A conferir.

    0
  • Neco 15/04/2018 at 18:35

    “https://g1.globo.com/economia/noticia/eua-recolhem-mais-de-200-milhoes-de-ovos-por-temor-de-contaminacao-com-salmonela.ghtml

    E se fosse aqui?

    0
    • Alta Mogiana 15/04/2018 at 18:37

      Jogariam na caravana do 9 dedos kkkkkk.
      Com certeza, fariam promoção: compre uma cartela e leve duas.

      0
    • windville 15/04/2018 at 18:40

      Encontraríamos ovos na salmonela.

      0
  • windville 15/04/2018 at 18:36

    Boa noite Folks,

    Sempre que vierem com essas palhaçadas contra o Mito e blá blá do apedeuta, lembre-se que o pessoal tem a Janete versão espanhol!

    Deus Vult!

    0
  • windville 15/04/2018 at 18:37

    Nova do Hipócritas – ESQUERDA PAZ E HORROR – Rindo Litros Aqui!

    0
    • windville 15/04/2018 at 18:42

      A ironia tá cada vez mais fina.

      0
      • Mari 16/04/2018 at 01:10

        Excelente esse video.

        0
  • Kurt 15/04/2018 at 18:52

    Jair Bolsonaro na Band, só após as 19:45.

    0
  • Zé do Faz 15/04/2018 at 18:53

    Frase do dia: By Zé do Faz:

    “Jamais considerei o prazer e a felicidade como um fim em si e deixo este tipo de satisfação aos indivíduos reduzidos a instintos de grupo.”

    Albert Einstein

    0
  • Neco 15/04/2018 at 19:01

    Muito interessante essa entrevista:

    https://www.opovo.com.br/vidaearte/2018/04/carlos-vereza-u201cmarielle-e-um-cadaver-fabricado-u201d.html

    Estão radicalizando a tal ponto como se quisessem fabricar mais um cadáver, além da Marielle… Marielle é um cadáver fabricado por eles…

    Não tem como recuperar. Todo mundo é trans, isso é uma novidade. Na minha época, você tinha um trans a cada 15 anos, agora a cada dia da semana todo mundo virou trans e vai para o Paraguai operar, aí depois se arrepende porque o DNA não muda, o DNA do trans é do gênero que ele nasceu. (Vira-se agressivo para o repórter) Eu sei que eu não estou te agradando, você é petista, porque eu sou médium e eu estou vendo no teu perispírito que você é petista.

    OP – Eu não sou petista.

    Vereza – Você é de esquerda, eu estou vendo na sua aura. Cada coisa que eu falo sua aura fica assim piscando.

    (Silêncio).

    Vereza – Um em 100 mil é uma coisa, agora de segunda a sexta, todo mundo é trans e outras coisas. O que é isso? Eu era amigo do Clodovil e ele não tinha essa palhaçada. Há inclusive uma suspeita de que ele tenha sido assassinado, a cama dele era baixa, como ele fraturou a cabeça caindo da cama, cara? Eu conheci a Rogéria, ela cantava em cinco idiomas, era uma puta de uma cantora, uma puta de uma atriz, mas não faziam essa palhaçada, esse lobby. Eu amo o homossexual e odeio o lobby gay. Eu amo o pecador e odeio o pecado.

    ————-

    Tem mais lá no site do povo, jornal do Ceará.

    0
    • Neco 15/04/2018 at 19:04

      O povo é um jornal tradicional… lacrador, e lido na maior parte por lacradores…(com algumas exceções.) não sei como publicaram a entrevista. Os comentários são todos contra o ator.

      0
    • AL 15/04/2018 at 21:29

      Carlos Vereza perdeu qualquer pudor em socar a esquerda rsss

      0
  • bolha buritis 15/04/2018 at 20:03

    First da noite.

    Lula de casa nova em Curitiba

    0
  • Kurt 15/04/2018 at 20:20

    Achei a entrevista de Bolsonaro muito editada.

    0
  • civilizado 15/04/2018 at 20:34

    Dono de pizzaria é assassinado ao reagir a assalto na Praia da Pinheira, no litoral de SC
    Empresário baleou um dos bandidos, mas foi atingido por dois tiros e morreu no local

    0
  • RoCoSala 15/04/2018 at 20:35

    Boa noite 300!!!!

    Ótimo texto AL, na minha época de engenharia pouco nos preocupávamos com essa merda. E confesso que meu radar pra essas coisas era péssimo, minha maior preocupação era me formar e arrumar um trampo.

    Off 1, tem mais false flag rodando de novo na net. Pessoal não aprende, quanto mais bate mais cresce.

    Off 2, e tem uma semana que o mulla esta preso, a Banania não acabou. Eu continuo trabalhando e recebendo meus juros!!!!

    Ótima semana a todos.

    0
  • Nonada 15/04/2018 at 20:58

    O feminicídio na Banãnia.

    0
  • Sapato Furado 15/04/2018 at 20:59

    Vejam aqui, um cara fez a mesma coisa que a Lélis

    Patrícia Lélis diz que gravou uma conversa com o Eduardo Bolsonaro. Fez exatamente esse esquema que eu fiz! Eu e minha tia fizemos essa conversa! haha Gente, o vídeo é falso, mas mostra o que ela fez. E é TRISTE uma procuradora geral da república descer TANTO o nível e acreditar em MENTIRAS!

    Publiée par Smith Hays sur Dimanche 15 avril 2018

    Ainda acreditam nessa vagabunda mentirosa????

    0
    • Rafael Km 15/04/2018 at 21:52

      Tem que fazer uns 300 destes diálogos com muita zoação e mitadas para espalhar no whats.

      0
    • Kurt 15/04/2018 at 22:00

      Só uma comunista como a Dodge para acatar uma coisa dessas de uma pessoa como essa lélis.

      0
    • Sapato Furado 15/04/2018 at 22:08

      Mais piada ainda é o fato dela receber essas mensagens no conforto da casa dela, com o celular colocado em um suporte e outro pronto para filmar. Será ela tem super poderes e sabia a hora exata que iria receber as mensagens que desaparecem?

      0
  • Strike 15/04/2018 at 21:14

    Trump enfrenta uma oposição que nenhum presidente americano enfrentou, inclusive de gente de seu próprio partido.
    https://goo.gl/HCdUYh

    0
  • Bolhicio 15/04/2018 at 21:42

    Kurt
    Achei a entrevista de Bolsonaro muito editada.

    Pelo o que entendi no Twitter foi apenas uma chamada para o programa do Datena que estreia semana que vem, quando vao exibir a entrevista completa

    0
    • AL 15/04/2018 at 21:44

      O espaço que a globo nega o Datena, Fernanda Gimenez e afins darão. E o povão adora esses programas.

      0
      • Bolhicio 15/04/2018 at 21:46

        Isso aí. Semana que vem a Band vai bater a globo em audiência, escreve aí

        0
        • bolha buritis 15/04/2018 at 21:49

          AÇO !

          0
    • Kurt 15/04/2018 at 21:57

      Isso.Parece ter sido apenas uma chamada.

      0
  • windville 15/04/2018 at 22:09

    Sobre o tópico, ótimo vídeo do capitão Styvenson da PM do RN sobre o trabalho que estão fazendo nas escolas de Natal. Já tinham colocado um vídeo dele antes no blog. Por mim é tópico.

    Destaco: Cobrir, descansar coisas que o militarismo faz. Isso não é educação capitão é adestramento. Não me interessa, interessa que tá dando certo gente.
    Fonte: http://caiconarotadanoticia.com.br/video-capitao-styvenson-fala-em-audiencia-publica-sobre-inseguranca-nas-escolas-municipais-de-natal/

    0
  • Kurt 15/04/2018 at 22:18

    Barnabezinho
    sobrevive o mais adaptado ao meio, não necessariamente o mais forte.

    Dessa vez não podemos permitir que eles se aproveitem da situação, caso a direita tome o poder.

    0
    • Neco 15/04/2018 at 22:30

      O problema é que ser oposição é mais fácil.

      Mas o povo aos poucos está ficando vacinado.

      0
      • Kurt 15/04/2018 at 22:34

        A questão é que a imprensa esquerdista pode assumir uma pseudo postura de direita, para se camuflar.

        0
        • AL 15/04/2018 at 22:41

          Enquanto a maioria se camufla, dois ou três bem posicionados e atuantes fazem um estrago emorme.

          0
          • Neco 15/04/2018 at 23:15

            Quem ver e aproveitar a onda da direita na frente, vai se dar bem.

            0
          • Kurt 15/04/2018 at 23:29

            Para esses atuantes , basta cortar a propaganda estatal, cobrar as dívidas das empresas que os contratam com o governo, e , se restar alguma resistência, uns processos por injúria, calúnia e difamação, só para começar…

            0
  • Pobre Paulista 15/04/2018 at 23:09

    First

    0
    • AL 15/04/2018 at 23:10

      Fanfarrão kkkk

      0
      • Pobre Paulista 15/04/2018 at 23:12

        É que eu li o texto inteiro kkk

        0
  • Neco 15/04/2018 at 23:14

    Descobri um telefone pior do que o WP, pra digitar, o tal moto g.

    0
  • Joaojr 15/04/2018 at 23:31

    Eita, o idiotástico deu a receita para resolver a questão da insegurança:

    Choro, união, balões brancos, clubes de lazer para policiais e um imposto específico para a segurança.

    Como ter tudo isso? É só votar no isentão.

    0
    • Enoch Root 15/04/2018 at 23:49

      Eh o canto da sereia (e objetivo de todo politico): deixar de roubar, nada… bom mesmo eh mais imposto.

      0
    • BananenseNãoPraticante 15/04/2018 at 23:50

      O tráfico de drogas acabou no exemplo mostrado? Não!
      No caso foi só entregar o controle do tráfico para um único cartel, sem guerra entre eles o número de mortos cai. Nada das justificativas que deram fez diferença!
      O pior foi no final dizerem que um número de 44 homicídios por cem mil é aceitável e é a prova que a tal política deu certo! 44 é quase o número das capitais do nordeste! É um terror!

      0
      • Enoch Root 15/04/2018 at 23:55

        http://www.crimestats.aic.gov.au/NHMP/

        A Australia tem 1/100mil/ano. E a estatistica deles eh bem mais confiavel do que a bananense (se extrapolar os 3267 de fevereiro temos 18,8/100mil)…

        E os caras aqui ainda acham indice alto…

        0
  • Alta Mogiana 15/04/2018 at 23:52

    A Netflix zoando as feministas

    0
  • Alta Mogiana 16/04/2018 at 00:12

    Paiol de munições abastecido

    0
  • Leonardo M. 16/04/2018 at 03:27

    CVRs
    Estou vendo quedas bem bruscas no preço dos tijolos de uns meses pra cá na minha cidade.

    Aps que eram ofertados por incríveis R$140k MCMV agora sendo ofertados por R$110k

    Pessoas tentando vender suas super casas de 7 quartos por 2 apartamentos e + volta em dinheiro.

    Casas em favelas que antes estavam pedindo R$70mil agora estão pedindo R$40mil

    É isso que 2018 nem acabou em….
    Ardam!!!!! Acabou o crédito acabou o amor!!!!

    0
    • Neco 16/04/2018 at 06:14

      É na melhor das hipóteses, temos ainda 18, 19, 20 e 21 pela frente, como anos complicados.

      0
    • From_The_Tower 16/04/2018 at 07:33

      CRÉDITO tem .
      O que quase nao tem são pessoas elegiveis para tomá-lo.

      0
  • Escreva seu Comentário (Ir para o início)